Pastor Hueslen, vice-presidente do Gideões, defende Eduardo Bolsonaro embaixador

Líder evangélico é um dos poucos que não hesitaram em manifestar sua posição sobre Eduardo Bolsonaro como embaixador nos EUA

Da redação JM

Pastor Hueslen Ricardo e Eduardo Bolsonaro. Foto: Reprodução Instagram

O pastor e vice-presidente do Gideões Missionários da Última Hora (GMUH), Hueslen Ricardo, posicionou-se favorável à possível indicação do deputado Eduardo Bolsonaro para chefiar a embaixada do Brasil nos Estados Unidos.

No instagram, o pastor postou uma foto tirada tempos atrás com Eduardo Bolsonaro e marcou o atual deputado federal e seu pai, o presidente Jair Bolsonaro.

+ Pastor Hueslen Ricardo lamenta tragédia em sua família

+ “Cristofobia”, diz Eduardo Bolsonaro sobre atentados no Sri Lanka

Na legenda, o pastor escreveu: “Com Deputado Federal Eduardo Bolsonaro, futuro Embaixador do Brasil nos EUA. Deus seja louvado!

Bolsonaro anunciou na recentemente que poderia indicar Eduardo para a chefia da maior embaixada do Brasil no exterior. A decisão foi alvo de críticas até mesmo de aliados do presidente, mas isso não impediu o líder assembleiano, pastor Hueslen, de, como cidadão, declarar sua posição.

Em andamento

O pedido de “agrément” para consultar os Estados Unidos sobre a indicação do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para assumir a embaixada do Brasil no país chegou nesta semana a Washington, segundo fontes com acesso ao documento. O Itamaraty trata os pedidos de “agremént” de maneira sigilosa, informou O Estadão.

VEJA TAMBÉM
Bolsonaro recebe placa de homenagem durante Gideões: "Quando o justo governa, o povo se alegra"

“agrément” é uma maneira de consultar o país onde o futuro embaixador irá servir sobre eventuais restrições ao nome.

Confira: