Da redação

Vereador por Palmas, Hélio Santana parabeniza o ex-governador Siqueira Campos. Foto: Reprodução

O vereador Hélio Santana (PV) foi uma das autoridades política do estado que pretou homenagem e parabenizou o senador Siqueira Campos pelo aniversário de 91 anos, que é celebrado nesta quinta-feira, 1º de agosto.

E com muita satisfação que venho parabenizar o nosso grande Estadista Senador José Wilson Siqueira Campos, que durante muito tempo de sua história política e social se dedicou arduamente pelo desenvolvimento do nosso estado. Durante sua trajetória política foi Vereador, Deputado Federal, por quatros vezes Governador e hoje quando completa 91 anos nos orgulha como Senador da República” – Hélio Santana.

+ Vereador Hélio Santana solicita benefícios para a Guarda Metropolitana de Palmas

A Associação dos Pioneiros de Palmas preparara uma grande festa para o aniversário de 91 anos do Senador Siqueira Campos (DEM), que serão comemorados nesta quinta-feira. Haverá um culto ecumênico às 19 horas, na Praça dos Girassóis, e após uma solenidade com a participação de amigos de Siqueira Campos.

UM POUCO DE HISTÓRIA

VEJA TAMBÉM
COIMADETINS realiza reunião e conta com a presença de representantes do Executivo e Legislativo

José Wilson Siqueira Campos nasceu em Crato no Ceará, em 1928, filho de mestre Pacífico Siqueira Campos – que tinha a profissão de seleiro e sapateiro – e de dona Regina Siqueira Campos.

Ficou órfão de mãe aos 12 anos, falecida em trabalho de parto, e viajou pelo país por quase 10 anos, em busca de oportunidade, chegando a passar parte da adolescência nas ruas, até se estabelecer. Nesse período, trabalhou em vários ofícios em diversas cidades, até chegar à cidade de Colinas, no então Norte de Goiás, atual Colinas do Tocantins. Antes, passou pelos estados do Amazonas (onde foi seringueiro), Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.

Em Colinas, Siqueira começou a trabalhar na área rural, o que despertou nele a vocação política: fundou a Cooperativa Goiana de Agricultores e deflagrou o movimento popular que pedia a criação do Tocantins. Na eleição seguinte foi candidato a vereador, tendo sido eleito com votação expressiva.

Elege-se vereador de Colinas com maior votação (1965) e escolhido presidente da Câmara (1966). Era então filiado a Arena. Integraria também ao longo de sua carreira ao PDS, PDC, PFL, PL e PSDB.