Redação JM Notícia

(Brasília – DF, 07/08/2019) Presidente da República, Jair Bolsonaro durante almoço com Lideranças Evangélicas.\rFoto: Marcos Corrêa/PR

Desde janeiro o presidente Jair Bolsonaro tem atendido a pedidos de liderenças religiosas, participando de eventos e recebendo pastores, bispos e apóstolos no Palácio do Planalto.

Segundo uma pesquisa da Jovem Pan, com base nos informativos da agenda oficial do presidente, Bolsonaro teve 33 encontros com líderes religiosos, sendo que 30 deles foram com evangélicos.

Entre os eventos que Bolsonaro participou estão festividades como o aniversário de 108 da Assembleia de Deus, Marcha para Jesus em São Paulo, em Brasília, além de participações em cultos em diversas partes do país.

Ele ainda recebeu alguns pastores como o Missionário R.R. Soares que esteve com Bolsonaro em três ocasiões este ano: março, junho e agosto. Nesta última visita, o líder da Igreja Internacional da Graça de Deus tratou sobre a tributação de igrejas, pedindo pela não taxação dos templos.

Além dos evangélicos, o presidente esteve também em dois eventos da Igreja Católica e um encontro com lideranças muçulmanas.