Da redação

Segundo a PM, homem retornou à igreja, tentou suicídio, foi hospitalizado e preso.

A pastora Rose Meire Fermino de Andrade Mendonça, de 48 anos, foi morta a tiros pelo ex-marido em uma igreja de Aquidauana, a 131 quilômetros de Campo Grande, na noite de terça-feira (27).

De acordo com a Polícia Militar (PM), a mulher estava no altar da igreja evangélica, fazendo pregação, quando o homem entrou e atirou. Tudo na frente dos fiéis.

+ Pastora da igreja de Isa Reis morre vítima de atropelamento

+ Pastora comete suicídio ao se jogar de cima de viaduto no RJ

Rose Meire morreu no local e o ex-marido fugiu. Enquanto a polícia fazia buscas por ele, fiéis avisaram que ele havia retornado à igreja e tentado suicídio.

O homem foi socorrido para o hospital da cidade e está sob custódia da polícia. A vítima estava desde o dia 20 com medida protetiva contra ele, que determinava que ele saísse da residência do casal.

(Com G1)