Da redação

Testemunhas contaram à Polícia Militar que três mulheres abordaram a vítima e uma delas começou a atirar. Foto: Ilustração

Uma jovem de 22 anos foi baleada com cinco tiros na noite desta quarta-feira (4) em Araguaína, norte do Tocantins. O crime aconteceu em uma rua no bairro São João. Testemunhas contaram à Polícia Militar que três mulheres abordaram a vítima e uma delas começou a atirar.

A vítima levou três tiros no tórax, um na coxa e outro no tornozelo. Ela foi socorrida e levada para o Hospital Regional de Araguaína com vida. A Polícia Militar informou que fez patrulhamento e o caso foi repassado para Polícia Civil.

+ Identificados jovens executados com tiros na cabeça em Palmas

+ Pastora é morta a tiros pelo ex-marido enquanto pregava na igreja

A suspeita da PM é de que o crime tenha ocorrido por causa de um conflito direto entre a vítima e as outras mulheres. Testemunhas contaram que a jovem baleada estaria envolvida com membros de uma facção criminosa e recebendo ameaças de morte. Além disso, as suspeitas chegaram sem falar nada e também fugiram sem levar nenhum objeto da vítima.