Da redação JM

“Jesus me perdoe”, disse um dos ladrões ao entrar na igreja, relatou o porteiro. Foto: ArteJM

O crime não perdoa nem mesmo a hora de culto do povo de Deus. Foi o que aconteceu na noite desta quinta-feira, 12, com feis da Igreja Assembleia de Deus da comunidade de Contenda, em Extremoz, Grande Natal (RN), que foram surpreendidos com um arrastão na hora do culto.

+ Pastor e esposa vivem momentos de tensão durante assalto em sua casa

“Jesus me perdoe”, essa foi a frase que o porteiro ouviu um homem entrar para assaltar com mais dois comparsas. No momento acontecia um culto festivo pelo aniversário do pastor local.

Fieis contam que as crianças ficaram muito assustadas com a cena. Os ladrões abordaram todos da nave do templo, inclusive do altar.

De acordo com informado pelo portal local pop9, ao menos sessenta pessoas estavam no templo na hora em que os criminosos armados chegaram.

Mesmo em meio ao susto, os fieis mantiveram a calma e viram os criminosos levar celulares, bolsas, relógios e até as alianças de casamento.