Marcus Marcelo lamenta portaria do governo

O vereador de Araguaina Marcus Marcelo (PL), lamentou a atitude do governo do estado, que suspendeu de forma abrupta por meio de portaria publicada na segunda-feira (30), os termos de acordo de regimes especiais (Tare) que concedia incentivos fiscais aos frigoríficos do estado.

De acordo com o parlamentar, o governo está contrario aos interesses do agronegócio, e esta ação poderá gera graves consequências.

“De nada adianta ir a Dubai, dizer que está trabalhando e assinar termo de entendimento com aquele país, sendo que o governo não se entende aqui e não faz seu dever de casa, precisamos nos unir e cobrar do governo que volte atrás dessa decisão”, disse Marcus.

Para o vereador o governo precisa adotar medidas que possam fomentar o comércio, trazendo indústrias, gerando negócios e emprego. Esta suspensão repentina está na contramão do progresso e do desenvolvimento.

Marcus disse ainda que com todas as pessoas que conversa, todos dizem não entender o porquê do governo agir assim aumentando desta forma a carga tributária do ICMS sobre a carne bovina, prejudicando diretamente Araguaína.