Da redação

Para o exercício de 2020, a expectativa de investimentos é de mais de R$ 100 milhões, fruto dos recursos obtidos junto às instituições financeiras e organismos internacionais. Foto: Aline Batista

A Prefeitura de Palmas enviou para a Câmara de Vereadores o projeto da Lei Orçamentária Anual de 2020. O documento prevê quanto a prefeitura pode gastar e em quais áreas o dinheiro deve ser investido ao longo do ano. Para os 12 meses, o orçamento previsto é de R$ 1,3 bilhão. O valor, segundo a prefeitura, é 12% maior que o deste ano, que ficou em R$ 1,2 bilhão.

+ Estudante morre após passar mal durante aula de Educação Física em Palmas

O número é próximo ao que tinha sido aprovado em 2018. A prefeitura creditou o aumento de receita a operações de crédito com a Cooperação Andina de Fomento (CAF) e aos investimentos no projeto do Parque Solar.

As secretarias com os maiores recursos são Educação, com R$ 333,2 milhões; Saúde, com R$ 234,6 milhões; e Infraestrutura, com R$ 207 milhões. Entre as prioridades citadas pela prefeitura, estão a conclusão de obras de infraestrutura, redução do deficit habitacional e a realização do concurso da Guarda Metropolitana.

O texto agora será analisado pelos vereadores que podem propor mudanças antes que o projeto vá para votação em plenário.