Na manhã desta quinta-feira (23) o vereador de Palmas Hélio Santana (PV) esteve na Escola Municipal de Tempo Integral (ETI) Caroline Campelo, localizada no Setor Santa Fé II, para participar da aula inaugural, apresentação de 42 ônibus que farão o transporte dos alunos da zona rural e dar as boas vindas desejando a todos os alunos um ano letivo de muito sucesso e aprendizado. A aula inaugural foi prestigiada pela prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro, secretária da Educação, Cleizenir dos Santos, pais, gestores escolares, professores, entre outras autoridades.

+ Ao lado de Kátia Abreu e Cinthia, Hélio Santana participa de solenidade para a construção da Feira da Promessa

Em seu pronunciamento, o pevista Hélio Santana saudou todos os servidores da educação municipal e parabenizou a gestão Cinthia Ribeiro pelo brilhante serviço prestado a educação do município. “Dá orgulho de ver a senhora prefeita do município de Palmas, com todo dinamismo tem feito uma grande diferença neste município, em 1 ano e 8 meses já revolucionou este município e a educação de forma especial”, afirmou o parlamentar a prefeita.

No final de seu discurso, Santana ainda destacou ao público presente a valorização que a gestão Cinthia Ribeiro tem com os servidores públicos.

A prefeita fez questão de agradecer a todos os gestores escolares em nome da diretora da ETI Caroline Capelo, Marta Pacheco, e por trabalhar com pessoas empenhadas em promover serviços de excelência para a sociedade, como é o caso dos educadores que cuidam para que as crianças se sintam cada vez mais acolhidas e amadas. “Sou grata a todos, pois se teve um ano que esse povo trabalhou, que os diretores esticaram o que tinham no bolso, foi o ano de 2019. Vocês foram super-heróis e fizeram a diferença na gestão, fazendo mais e gastando menos”, destacou.

VEJA TAMBÉM
Vereador Hélio Santana participa do lançamento do programa 'MudaClima'

Na oportunidade, a gestora apresentou os 42 ônibus, que serão usados no programa Bilhetagem Eletrônica – novo sistema implantado no transporte escolar da Capital, direcionado para estudantes da zona rural de Palmas e que significa um marco para a Capital, que se torna pioneira no uso do sistema. Com a implantação dessa nova tecnologia, os alunos cadastrados no sistema de transporte escolar da Rede Municipal passam a utilizar o cartão de bilhetagem eletrônica.

“Esse controle da bilhetagem eletrônica é algo sensacional, nós estamos marcando um tempo novo, nenhuma outra cidade, nenhuma outra capital do Brasil tem a tecnologia que hoje estamos entregando, 42 ônibus que estão todos equipados com GPS e que serão monitorados 24 horas”, afirmou dizendo que isso reflete segurança para os alunos, para os gestores, para as escolas, para os pais e também para os motoristas.

Início do ano letivo adiado

Quatro unidades educacionais da zona urbana da capital tiveram o início do ano letivo adiado para a próxima segunda-feira, 27. O adiamento nestas unidades se dá em razão das obras de melhorias de infraestrutura, que estão sendo realizadas nessas unidades. São elas: Cmei Amâncio José de Moraes, localizado na Arse 22; Cmei Miudinhos, no Setor Santa Fé; Escola Municipal Beatriz Rodrigues, na Arno 42 e ETI Anísio Spínola Teixeira, no Setor Bertaville.

VEJA TAMBÉM
Moisemar Marinho assume a presidência da Comissão de Segurança Pública da Câmara de Palmas

Já para os estudantes matriculados nas escolas do campo, conforme calendário escolar, as atividades letivas serão retomadas somente no dia 03 de fevereiro.

A Rede

A capacidade de atendimento da Rede Municipal de Ensino de Palmas é de 47 mil alunos, com 75 unidades educacionais, sendo 30 Cmeis (atendem crianças da faixa etária de seis meses a cinco anos e 11 meses), e 45 escolas (atendem educandos do Ensino Fundamental que compreende a faixa etária de seis a 14 anos), além de duas instituições conveniadas, que também atendem crianças da Educação Infantil.