Redação JM Notícia

Um dos assuntos debatidos na Câmara Municipal de Gurupi durante a primeira sessão ordinária do ano de 2020 foi o piso salarial dos professores da rede pública de ensino de Gurupi. Motivado pelo anúncio feito pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) no último 16, quando junto com o ministro da educação, informou reajuste do piso salarial nacional para os professores, o vereador André Caixeta (PSB) apresentou requerimento ao secretário de educação do município solicitando adequação ao reajuste.

O novo piso dos professores da rede pública da educação básica em início de carreira foi reajustado em 12,84%, passando de R$ 2.557,74 para R$ 2.886,24. “ A lei também contempla com o piso outros profissionais da educação básica como aqueles que atuam como suporte pedagógico à docência, e nosso pedido é que abranja a todos”, ressaltou Caixeta.

Idosos

O vereador Eduardo Fortes (PSDB) trouxe a plenário um projeto de Lei que será analisado pelas comissões e que tem como objetivo instituir no município de Gurupi um programa destinado a atender idosos e/ou pessoas a partir de 55 anos de idade. Segundo o parlamentar o programa, denominado no texto do PL de Viver Bem, tem como objetivo promover atividades que contribuam para um processo de envelhecimento de forma saudável.

VEJA TAMBÉM
Carro dos pais da pastora Alessandra Silva pega fogo

“Uma oportunidade para interação, a valorização deles e possibilitar o acesso deles à atividades físicas, saúde mental, assistenciais e setoriais da educação, saúde, cultura, esporte, lazer dentre outros”, esclareceu Fortes.

As próximas sessões ordinárias deste mês acontece nesta terça, 11, quarta, 12 e na próxima semana respectivamente nos dias 17, 18 e 19.

ICMS combustíveis

Os parlamentares, com exceção da vereadora Marílis, que optou por não assinar e do vereador Ataíde que não estava presente na sessão, assinara uma solicitação de autoria do vereador Sargento Jenilson em apoio a uma solicitação direcionada ao governador Mauro Carlesse para que o mesmo apoie a proposta do presidente Jair Bolsonaro (PSL) sobre a redução dos ICMS dos combustíveis.

“As famílias tocantinenses, trabalhadores e universitários sofrem com essa alta nos combustíveis, portanto essa é uma medida que merece o apoio de todos e por isto pedimos pela manifestação do governador em apoio a esta medida justa proposta pelo presidente”, declarou o parlamentar.