Mulheres são maioria na gestão da educação básica no Brasil

As mais de 180 mil escolas de educação básica no Brasil são geridas, predominantemente, por mulheres. É o que apontam os dados mais atualizados do Censo Escolar 2019. Diferentemente dos censos anteriores, nesta edição foram incluídos os primeiros registros sobre o sexo de quem está à frente do comando das instituições – 80% dos gestores são do sexo feminino. A pesquisa é feita pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

A pesquisa realizada pelo Censo Escolar permite traçar um perfil detalhado de todos os 48 milhões de estudantes da educação pública e privada do país, além dos 2,2 milhões de professores regulamentados na carreira. Para reunir todas as informações, o Inep conta com a parceria dos usuários do Educacenso, sistema que contém o banco de dados da pesquisa.

O Censo Escolar da Educação Básica é uma pesquisa anual, feita com base nos documentos administrativos das escolas e redes de ensino, e tem por referência a última quarta‐feira do mês de maio.

VEJA TAMBÉM
UFT divulga edital com 723 vagas para Processo Seletivo Complementar

Participam todas as escolas públicas e privadas do país, incluindo as diferentes etapas e modalidades da educação básica: regular, especial, profissional e educação de jovens e adultos (EJA). Além disso, a pesquisa apresenta informações sobre matrículas, docentes, escolas e gestores.

*com informações do Portal do Inep

Fonte: Agência Educa Mais Brasil