O partido AVANTE em Paraíso do Tocantins foi reorganizado com uma nova comissão provisória, tendo na liderança o presidente Nilton Pinheiro, vice-presidente Vanderson Machado, Secretário Geral Edson Cardoso, 1º secretário Guilherme Rempel e o tesoureiro Geverson Francelino.

A primeira reunião foi realizada dia 06/02/20 quando um grupo de evangélicos de vários partidos tiveram a iniciativa de se juntarem em um grupo maior com a finalidade de lançarem candidatos a vereadores. Nessa primeira reunião foram abordadas as orientações básicas e legais para as eleições de 2020. No dia 29/02, já com a comissão provisória formada e vários interessados em lançar candidaturas foi então que o projeto começou de fato a andar e a receber um maior numero de adesão. “A partir de agora estamos focados nesse ideal, agregar o maior número de pretensos candidatos a vereadores e vereadoras! Conclamamos a todos para nos mobilizarmos em torno desse projeto. Agora é hora de nos unirmos mais e alcançarmos nosso objetivo!” declarou o presidente da comissão Nilton Pinheiro. Em Paraiso, o avante está recebendo o apoio de uma das principais lideranças evangélicas, o pastor Hilton Dias, que deixou o PSC e filiou-se ao AVANTE.

+ Davi Gomes continua no comando do Avante no Tocantins e articula fortalecimento da legenda

O Avante é um partido político brasileiro, que foi fundado como Partido Trabalhista do Brasil por dissidentes do Partido Trabalhista Brasileiro, em 1989. Seu número eleitoral é o 70 e obteve registro definitivo em 11 de outubro de 1994. Disputa as eleições brasileiras desde 1990. Seu símbolo era um coração. Presidente: Luis Tibé; Fundador: Tibelindo Soares Resende; Fundação: 15 de maio de 1989; Registro: 11 de outubro de 1994; Sede: Belo Horizonte (MG); Ideologia:Trabalhismo, Nacionalismo, Solidarismo, Humanismo cristão, Social-democracia, Federalismo.

O Avante saiu do pleito eleitoral de 2018 como uma das 21 siglas que atingiram a chamada cláusula de barreira. Com mais de 1,8 milhão de votos válidos, o Avante elegeu sete deputados federais e 15 estaduais em nove estados brasileiros e no Distrito Federal. O estado com mais deputados federais eleitos é Minas Gerais, que reelegeu Luis Tibé, presidente nacional do Avante, e os advogados André Janones e Greyce Elias para o seu primeiro mandato na Câmara dos Deputados. A Bahia terá dois representantes do Avante em Brasília: Pastor Sargento Isidório, o mais votado de todo o Estado (323.264 mil votos) e Tito. O Amapá elegeu Leda Sadala e o Rio de Janeiro, Chiquinho Brazão, ambos para o primeiro mandato.

Nas assembleias legislativas, o Avante terá representantes em nove estados. Na Paraíba foram eleitos quatro deputados estaduais: Tião Gomes, Dr. Taciano Diniz, Genival Matias e Júnior Araujo. Os estados de Minas Gerais e Rio Grande do Norte elegeram dois representantes cada, assim como o Distrito Federal, são eles: Fábio Avelar e Bosco (MG), Dr. Bernardo e Kleber Rodrigues (RN), João Cardoso e Reginaldo Sardinha (DF). A Bahia elegeu João Isidório como deputado estadual; os capixabas elegeram Carlos Von para ocupar uma vaga na Assembleia Legislativa do Espírito Santo; no Pernambuco, João Paulo Costa e, em São Paulo, Sargento Neri, também foram eleitos.

Dos 22 parlamentares eleitos pelo Avante em todo o Brasil nesta eleição, 17 vão estar em seu primeiro mandato nas casas legislativas estaduais e federais, o que representa a renovação política.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here