Redação JM Notícia

Evento é organizado pelo pastor Mauro Estival, ex-presidente da OMEP

Para o próximo sábado (13), o pastor Mauro Estival, da Igreja Videira, marcou um ato de oração na Praça dos Girassóis, onde aproximadamente 2 mil pessoas são aguardadas.

Estival, que é ex-presidente da Ordem dos Ministros do Evangelho de Palmas (OMEP), confirmou a realização do momento de Oração por Palmas e pelo Tocantins, um ato profético que começará às 17h.

Todas as igrejas evangélicas de Palmas estão sendo convidadas para participarem. “Ainda estamos confirmando a quantidade, hoje esta em 2 mil [pessoas]”, informou Estival.

Saiba + Pastor Mauro Estival renuncia à presidência da OMEP: ‘ambiente de desunidade e enfrentamento’

A quantidade de participantes pode gerar aglomeração, o que está proíbido por um decreto assinado pela Prefeitura da capital. Mas para o pastor, o espaço escolhido tem 3.200 metros, ou seja, as pessoas poderão participar sem ficarem muito próximas uma das outras.

O ato de oração acontece diante de um impasse entre as igrejas da capital e a Prefeitura. Nesta segunda-feira (8) vários estabelecimentos voltaram a funcionar após decreto da prefeitura Cinthia Ribeiro (PSDB), porém as igrejas continuam sem poder realizar cultos presenciais.

Eli Borges vai ao Judiciário

Nesta segunda-feira (8) em Palmas (TO) diversas atividades comerciais voltaram a funcionar após a assinatura do decreto nº 1.903, como as atividades religiosas não foi incluída, o deputado federal Eli Borges (SD-TO), afirmou que considera a não abertura das igrejas “um absurdo” e se organiza para mover uma ação contra o Poder Executivo da capital tocantinense.

Em entrevista ao JM Notícia, Eli Borges mostrou todo seu descontentamento com o que vê acontecendo em Palmas, e entende que a atitude mostra um “ranço” da Prefeitura para com as igrejas.

Deputado Eli Borges (SD)

Saiba + Eli Borges vai acionar Justiça pelo retorno dos cultos em Palmas: “Não tem nenhuma razão da igreja continuar fechada”

Saiba + Vaza áudio do pastor Mauro Estival sobre reunião com a prefeita Cinthia Ribeiro

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here