Redação JM Notícia

Carlos Amastha é ex-prefeito de Palmas – TO

Na manhã desta terça-feira (21) o ex-prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PSB), ex-secretários e empresários foram alvos de mandados de busca e apreensão e também de prisão após decisão da Justiça.

Agentes da Polícia Federal cumpriram ao todo oito mandados de prisão e 28 de busca e apreensão não apenas no Tocantins, mas também no Distrito Federal e em outros três estados: Pará, Goiás e Santa Catarina.

A investigação da Operação Cartas Marcadas é sobre contratos de locação de veículos que teriam desviados R$ 15 milhões dos cofres públicos.

Além de Amastha, foram alvos da PF os ex-secretários Adir Cardoso Gentil, Christian Zini Amorim e Cláudio de Araújo Schuller e o do empresário Marco Zancaner Gil.

Já os alvos de prisão foram os empresários Luciano Valadares Rosa, Carlo Raniere Soares Mendonça, José Emilo Houat e Cleide Brandão Alvarenga, (que é ex-secretária municipal de Desenvolvimento Econômico).

A autorização para o cumprimento desses mandados foi assinada pela 4ª Vara Federal do Tocantins.

A investigação apura um esquema entre empresários e servidores públicos para fraudar licitações e desviar recursos públicos destinados a contratação de veículos para atender a prefeitura de Palmas durante o mandato de Amastha.

Cleide Brandão se manifesta

A sra. Cleide Brandão, por meio dos seus advogados, comunica que prestará maiores esclarecimentos mediante nota Oficial. No entanto, previamente, declara que contribuirá com a justiça irrestritivamente a fim de comprovar que inexiste relação e qualquer envolvimento nos crimes investigados.

Com informações G1 e Cleiton Pinheiro

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here