Redação JM Notícia

Para Raquel Marques o Fórum Perinatal é um espaço coletivo de promoção da saúde e qualidade de vida da mulher e da criança

No próximo dia 20 de outubro a Secretaria de Estado da Saúde (SES) realizará

o Fórum Perinatal 2020, como tema ‘A pandemia pela Covid-19 e os desafios na redução da mortalidade maternidade’. O evento acontecerá das 9h às 18h, através da plataforma ZOOM meet – Link: https://conasemsbr.zoom.us/j/96124611281?pwd=WmNnYzgrcVV4bGp4WkdmS1RvK0t6dz09 e tem como público alvo gestores, profissionais de saúde, estudantes, gestantes, puérperas e população em geral.

Os objetivos do evento são discutir o impacto da pandemia pelo novo Coronavírus e os desafios na redução da mortalidade materna; orientar o atendimento de acordo com as evidências mais atuais, através de uma prática humanizada e qualificada dos profissionais de saúde voltada para o cuidado materno-infantil, além de qualificar profissionais de saúde para preparação das mulheres para o parto.

Segundo a enfermeira técnica da Rede Cegonha, Raquel Marques “o Fórum Perinatal é um espaço coletivo, plural, gestor interinstitucional, onde se firmam acordos éticos do Estado com instituições, conselhos e sociedades civis, visando a promoção da saúde e qualidade de vida da mulher e da criança. É composto por representantes da esfera estadual, municipal e do judiciário”, destacou.

Dados da Rede Cegonha apontam que o Tocantins registrou 12 óbitos maternos em 2019 e 10 em 2020. Dos 10 registrados em este ano, três foram por Covid-19, três por causas não definidas e quatro por síndromes hipertensivas.

Palestras

A programação contará com duas palestras. A primeira, das 9h30 às 10h15 tem como tema ‘A pandemia da Covid 19 e os desafios na redução da mortalidade materna’, com a médica, especialista em ginecologia/obstetrícia, fitoterapia e mestre em saúde da Mulher e da Criança, Maria Ester Villela. A segunda será de 10h15 às 10h20, sobre ‘Os aspectos psicológicos causados pela pandemia da Covid 19 e os impactos do óbito materno na sociedade’, com a psicóloga, Vice-presidente da ANEP Brasil (Associação Nacional para Educação Pré-natal), Laura Upliger.

Informe

Das 11h10 às 11h30 haverá um informe sobre sífilis congênita – a utilização de instrumentos de forma integrada na Rede de Atenção à Saúde como estratégia de enfrentamento à sífilis no Tocantins. A enfermeira especialista em Formação Pedagógica na Área da Enfermagem, mestre em Saúde Coletiva com Ênfase em Epidemiologia etécnica da Área Técnica Estadual de Infecções Sexualmente Transmissíveis e apoiadora do Projeto “Sífilis Não” do Ministério da Saúde, Marileide Santos.

Minicursos

O evento também contará com dois minicursos que exigirão inscrições prévias. O primeiro é sobre Pré- natal de baixo risco, com a médica, especialista em saúde da família e comunidade, atuante na área técnica da Superintendência de Políticas de Atenção a Saúde da SES, Ingrid Micaela. Inscrições no link: https://forms.gle/yiJYdFjGV2k3yJgB6 .

O segundo minicurso traz como tema a preparação para o parto, com a fisioterapeuta obstétrica, pélvica e doula, membro da Equipe Matricial de Humanização do Hospital e Maternidade Dona Regina Siqueira Campos, Carolina Barrionuevo. Inscrições através do endereço: https://forms.gle/onsM86BvMYzLxJsY9 .

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here