Conecte-se conosco

Tocantins

2,7 mil pessoas desapareceram no Tocantins nos últimos 10 anos

Publicado

em

Da Redação JM Notícia

Segundo Anuário da Segurança Pública, em 2016 199 pessoas desapareceram em Tocantins. O relatório foi divulgado nesta segunda-feira (30) mostrando que nos últimos 10 anos, 2.761 boletins de desaparecimento foram registrados em todo o estado. 

Ao G1, a família da menina Laura Vitória, de 9 anos, que desapareceu em janeiro de 2016, relata o sofrimento de centenas de famílias que aguardam por notícias sobre seus entes queridos. 

Não tem Natal, não tem aniversário, não data comemorativa. A gente só se alegra quanto tudo está bem e não tem nada de bem”, comenta a avó da menina, Gilsandra Pereira de Oliveira. 

Ainda não há pistas sobre o desaparecimento da menina que sumiu após sair para fazer compra em um mercado na quadra da casa onde vivia com sua avó. “Na delegacia eles falaram que não tem nada nem uma pista, mas a fé não me acaba, enquanto eu tiver vida é essa fé que temos [de que ela vai voltar]”, diz a avó. 

O ano de 2011 teve o maior pico de desaparecidos, 409 casos foram registrados. O que representa quase um quarto de todos os boletins registrados nos últimos dez anos. 

Por não ser um crime, a Polícia só investiga os casos quando há suspeita de um crime como homicídio ou sequestro, por exemplo. 

As investigações só são obrigatórias, pela lei brasileira, quando as vítimas são crianças e adolescentes até 18 anos ou pessoas com transtorno mental. 

No caso da menina Laura, a Segurança Pública disse que as investigações seguem abertas, sob sigilo, e estão sendo feitas pela Delegacia de Investigações Criminais de Palmas. 

  

Dados nacionais 

Segundo dados copilados pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, em todo o Brasil foram registrados 693.076 boletins por desaparecimento entre os anos de 2007 e 2016. O estudo foi feito a pedido do Comitê internacional da Cruz Vermelha. 

Pelos dados, pode-se afirmar que oito pessoas desaparecem por hora no país, o que resulta em 190 pessoas desaparecidas por dia. Só no ano passado, 71.796 desaparecimentos foram registrados. 

PUBLICIDADE

Últimas notícias

Brasil/Mundo1 dia atrás

ANAJURE defende liberdade do colégio batista notificado por vídeo contra a ideologia de gênero

"O vídeo em questão, ainda que expresse discordância quanto às teorias de gênero, não estimula qualquer conduta discriminatória", diz a...

Brasil/Mundo2 dias atrás

Livro infantil enfrenta a ideologia de gênero: “Elefantes não são pássaros”

"O livro é uma repreensão absoluta à aceitação da transexualidade e ao número crescente de jovens que se identificam como...

Brasil/Mundo2 dias atrás

Cursos profissionalizantes são aliados na busca pelo emprego

Evento on-line e gratuito vai debater a educação profissionalizante

Brasil/Mundo3 dias atrás

Pandemia afetou o comportamento de responsáveis por crianças de até três anos em famílias de classe D

Isolamento e crise financeira trouxeram efeitos perversos da desigualdade nas classes mais baixas

Brasil/Mundo3 dias atrás

Bolsa Família pode ter reajuste de 50% ou mais, diz ministro

Valores passarão a ser pagos a partir de novembro

Brasil/Mundo3 dias atrás

“O povo vai reagir em 2022 se não tivermos uma eleição democrática”, diz Bolsonaro

O presidente tem defendido a aprovação do projeto de lei pelo voto impresso auditável

Brasil/Mundo3 dias atrás

Lei do Superendividamento favorece negociação e cobrança humanizada

Início das multas no contexto da Lei Geral de Proteção de Dados também deve frear a oferta de crédito a...

Brasil/Mundo4 dias atrás

Brasil ultrapassa marca de 60% da população vacinada com primeira dose contra Covid-19

São mais de 96 milhões de pessoas, das 160 milhões com mais de 18 anos, que receberam a primeira dose...

Brasil/Mundo5 dias atrás

Olimpíadas de Tóquio têm medalhas feitas por designer japonês

Junichi Kawanishi foi o vencedor de um concurso com 400 participantes

Brasil/Mundo5 dias atrás

Entidades e mais de 50 juristas assinam carta em defesa da indicação de André Mendonça ao STF

Texto mostra que um jurista evangélico também pode assumir uma cadeira na Suprema Corte