Conecte-se conosco

Brasil/Mundo

Após polêmica sobre “patente”, Pr. Paulo Martins divulga nota

Publicado

em

Da Redação JM Notícia

Após as Convenções do Maranhão emitirem, no dia 28 de novembro, uma Nota de Repúdio em desfavor do líder da Ciadseta -TO, Pr. Paulo Martins Neto, motivados pela circulação nas redes sociais de um áudio atribuído ao presidente da Ciadseta/TO, no qual estaria anunciando aos convencionais da Ciadseta-PA/MT que teria patenteado a marca da Convenção, o pastor Paulo Martins emitiu uma nota de esclarecimento onde se justifica sobre o teor das declarações por ele dada no áudio e também informando quais as reais intenções do Convenção sobre a marca Ciadseta.

A nota foi entregue aos convencionais, por ocasião da 72ª AGO em Paraíso do Tocantins, no último final de semana.

Confira abaixo, a transcrição do áudio:

“Meus queridos amigos da Ciadseta PA/MT, eu tenho a grata satisfação de comunicar-lhes que nesta semana nós conseguimos patentear a marca Ciadseta. Hoje ela é uma patente pertencente à igreja evangélica Assembleia de Deus de Araguaína, e nós estamos felizes porque hoje a Ciadseta aqui no Tocantins e a Ciadseta PA/MT têm uma patente registrada, a patente Ciadseta. Ela é nossa, de direito e de fato! Nós só não podemos é utilizá-la pra abrir trabalhos no Piauí, no Ceará, no Pernambuco, no Rio Grande do Norte, porque lá já tem Assembléia de Deus ligada à CGADB, e trabalhos muito fortes, trabalhos dirigidos por pessoas amigas, pessoas que são companheiras da CGADB, companheiras da mesa diretora a nível nacional. Então eu só gostaria de pedir aos irmãos: a marca Ciadseta, ela se restringe ao Estado do Tocantins, do Maranhão, do Pará e do Mato Grosso, fora disso, nós não podemos utilizar mais a marca Ciadseta, por que ela hoje pertence à Assembleia de Deus Ciadseta aqui em Araguaína”.

Pr. Paulo Martins Neto, é presidente da Convenção Ciadseta -TO

Pr. Paulo Martins Neto, é presidente da Convenção Ciadseta -TO

Ouça o áudio na íntegra!

Leia aqui a matéria completa sobre a Nota de Repúdio das Convenções do Maranhão

Forte pressão emocional

O pastor Paulo Martins reconhece, na nota de esclarecimento emitida no último dia 10 de dezembro, que a declaração dada no áudio foi um “erro” causado exclusivamente devido a forte pressão emocional vivida por ele nestes últimos tempos. Segundo o pastor Paulo Martins, ele vinha recebendo diversas ligações de outras convenções de ministros reclamando da invasão desordenada de seus respectivos territórios de atuação, por elementos que utilizavam o nome da Ciadseta para abrir igrejas e afrontar essas mesmas convenções.

Foi devido a isso que o pastor Paulo Martins, diz ele, viu-se “num ato de extrema necessidade” e resolveu publicar uma nota verbal, direcionada para determinada situação ocorrida no estado do Piauí. Entretanto, o pastor lamenta que o áudio tenha viralizado em algumas redes sociais e com isso dado motivo para “adversários de plantão, tripudiarem e achincalharem essa presidência, de forma desleal e desrespeitosa, sem buscar nenhum esclarecimento mais preciso, de nossa parte”.

Ainda de acordo com a nota, pastor Paulo Martins, diz que foi “aviltado” de forma violenta,  regida por pessoas, segundo ele, que não querem o bem da Convenção e nem a paz corporis.

A forma correta de agir

Após reconhecer o equívoco das declarações dadas no áudio a respeito de como proteger a Ciadseta desses usos não autorizados da marca, o pastor Paulo Martins informa na nota que a forma correta de agir nesses casos seria não o registro da patente, mas sim da marca, e também não em nome da Assembleia de Deus em Araguaína, mas da Convenção Interestadual das Assembleias de Deus do SETA no Tocantins(Ciadseta/TO).

Amadurecimento e pedido de perdão

Ao final da nota o pastor Paulo diz que o imbróglio serviu para um amadurecimento técnico e administrativo da Convenção no sentido de desautorizar, a partir daquele momento de qualquer abertura de trabalho que esteja em desacordo com as normas esclarecidas na nota. Martins informou também que já havia pedido desculpas a Ciadseta-PA/MT pelo envolvimento impensado daquela convenção, no momento da gravação e publicação do áudio.

A nota não faz nenhuma menção às convenções Ceadema e Comadesma.

Confira a Nota de Esclarecimento na íntegra:

86c3033d-5503-40a8-af5f-c01f0f979634

ciadsetanota

Publicidade

Últimas notícias

damares alves damares alves
Brasil/Mundo17 horas atrás

“Não é esquerda ou direita que vai transformar o Brasil, mas a igreja”, diz ministra Damares Alves

A ministra citou as leis em defesa da mulher e contra violência doméstica, mas cobrou posição das igrejas nessa luta

Brasil/Mundo22 horas atrás

MEC lança programa que incentiva a participação das famílias nas escolas

As secretarias de educação e escolas devem aderir ao programa para poderem receber os recursos financeiros

Brasil/Mundo2 dias atrás

Alexandre de Moraes revoga prisão do jornalista Oswaldo Eustáquio

Ministro afirma que detenção foi para evitar “agressões e ameaças contra a democracia” no 7 de setembro.

Brasil/Mundo2 dias atrás

Universidade holandesa está com inscrições abertas para cursos on-line gratuitos

Formações já estão disponíveis no site da instituição

Brasil/Mundo2 dias atrás

5 perguntas respondidas sobre a terceira dose das vacinas de Covid-19

A terceira dose já começou a ser aplicada no Brasil, idosos são os primeiros a receberem o reforço vacinal

Brasil/Mundo3 dias atrás

Workshop sobre meio ambiente e astronomia recebe inscrições até 22/09

GLOBE Brasil 2021 é realizado pela Agência Espacial Brasileira (AEB); confira como participar

Brasil/Mundo3 dias atrás

Ministério Zoe retorna aos lançamentos com a canção “Se dê mais uma chance”

A faixa chega nas plataformas nesta quarta-feira (22) em todas as plataformas digitais

Brasil/Mundo3 dias atrás

Caixa Econômica anuncia redução de juros para Crédito Imobiliário Poupança Caixa

Banco alcançou a marca de R$ 300 bilhões contratados na atual gestão e segue como o maior financiador da casa...

Brasil/Mundo3 dias atrás

“Big Mouth”: Grupo pró-família denuncia desenho da Netflix por abuso sexual infantil

Grupo pede que autoridades investiguem se o programa viola as leis contra pornografia infantil

Brasil/Mundo3 dias atrás

MG terá investimento de R$ 5,2 bilhões em projetos de energia solar e híbrida

Companhia alemã investirá o valor na construção de três usinas de energia limpa, sendo duas solares e uma de fonte...