Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Brasil/Mundo

Avivamento: Mais de 1,2 milhão se entregaram a Jesus em cruzadas na África

Publicado

em

Da redação

Última cruzada evangelística realizada pelo CfAN reuniu milhares de pessoas em Owerri, na Nigéria. (Foto: Daniel Kolenda/CfAN)

Mais de 1,2 milhão de pessoas entregaram suas vidas a Jesus Cristo durante as cruzadas realizadas em 2018 pelo ministério Cristo para Todas as Nações (CfAN) na África. Os números englobam eventos realizados pelo evangelista Daniel Kolenda em cidades da Nigéria e República do Congo.

“Vimos centenas de milhares de pessoas vindo a Cristo em todo o mundo”, celebrou Kolenda em um vídeo publicado no site do CfAN. “Temos visto milagres incríveis de cura, o derramamento do Espírito Santo e acreditamos que este é apenas o começo”.

Nos últimos 31 anos, cerca de 78.268.854 pessoas decidiram entregar suas vidas a Cristo, segundo o último relatório divulgado pelo CfAN. Em média, foram 2.524.802 conversões ao cristianismo por ano. Mesmo diante de dados singulares, a expectativa de Kolenda é grande: “Queremos ver 75 milhões de pessoas vindo a Cristo nos próximos 10 anos”.

Pregador de 11 anos acredita que avivamento mundial virá em breve

De acordo com o relatório, somente em Calabar (Nigéria), entre 15 e 18 de fevereiro, foram registradas 418.840 decisões de conversão ao cristianismo. Em Ogbomosho (Nigéria), entre 22 e 25 de março, foram 603.670 decisões registradas. Em Brazzaville (República do Congo), de 9 a 12 de agosto, foram 201.670 conversões.

Houve também cruzadas evangelísticas em Port Harcourt (Nigéria) entre 8 e 11 de novembro e Owerri (Nigéria) entre 6 e 9 de dezembro, mas o número de pessoas que se entregaram a Cristo nestes locais ainda não foi divulgado.

“Muitos, muitos relatos de cura surgiram. Inúmeras pessoas testemunharam que os tumores se dissiparam, as úlceras desapareceram e os membros feridos foram curados. Durante uma das sessões, milhares foram simultaneamente cheios do Espírito Santo”, relatou Sam Rodriguez, que faz parte da diretoria do CfAN, sobre a última cruzada realizada em Owerri.

O CfaN foi fundado em 1974 pelo evangelista alemão Reinhard Bonnke, que realizou sua cruzada evangelística de despedida em novembro de 2017, na cidade de Lagos, na Nigéria. Na ocasião, 845 mil pessoas entregaram a sua vida a Cristo. Em um anúncio em sua página pessoal no Facebook, Bonnke disse que estava “passando a tocha” para o seu sucessor, Daniel Kolenda, que estáatualmente à frente do ministério.

Cristo para Todas as Nações é pioneiro na evangelização em massa na África. Até hoje, mais de 78 milhões de pessoas se entregaram a Jesus em suas campanha de evangelismo — reuniões marcadas por demonstrações sobrenaturais do poder de Deus para curar doenças, restaurar vidas e transformar comunidades.

Com informações Guiame

PUBLICIDADE

Últimas notícias

Brasil/Mundo2 dias atrás

Motivação de estudantes aumentou com retorno das aulas presenciais, diz pesquisa

Na opinião de pais, 87% dos filhos que frequentam as aulas presenciais se sentem mais animados

Brasil/Mundo3 dias atrás

Governo de Rondônia proíbe ‘linguagem neutra’ nas escolas

Os professores e instituições poderão ser punidos se não obedecerem

Brasil/Mundo3 dias atrás

Moraes determina prisão preventiva e extradição de Allan dos Santos

Blogueiro bolsonarista é alvo do inquérito que apura a divulgação de notícias falsas

Brasil/Mundo3 dias atrás

Covid-19: 20 milhões de brasileiros estão com a segunda dose da vacina atrasada

Índice de pessoas completamente vacinadas contra a doença já teria passado dos 80% do público-alvo, caso não houvesse atraso na...

Brasil/Mundo4 dias atrás

Governo Federal anuncia o Auxílio Brasil de R$ 400 até o final de 2022

O número de beneficiários será ampliado em relação ao Bolsa Família e deve chegar a 16,9 milhões de famílias

Brasil/Mundo4 dias atrás

Inscrições para cursos gratuitos do Google encerram nessa sexta (22/10)

As capacitações são na área de tecnologia e começam nesse ano

Brasil/Mundo5 dias atrás

Censura: Instagram retira ‘recurso de links’ de perfis conservadores

Internautas falam de perseguição política e tentativa de censura

Brasil/Mundo6 dias atrás

Lego anuncia brinquedos sem gênero para influenciar crianças “contra o preconceito”

Para a marca, acabar com o “estereótipos nocivos” vai ajudar as crianças a não serem preconceituosas

Publicidade