Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Brasil/Mundo

Campanha da OMO prega ideologia de gênero e recebe críticas nas redes sociais

Publicado

em

Da Redação JM Notícia

A marca de sabão em pó OMO criou uma campanha de marketing em prol da ideologia de gênero chamando os pais para não mais separarem coisas de meninos e meninas, pois são coisas do passado.

“Brincar de casinha é coisa de menina. Andar de skate é coisa de menino. Essas regras parecem coisa do passado, não é? Deixe seu filho brincar livremente”, dizia a propaganda.

O “Comunicado urgente para pais e mães” ainda declarava a necessidade de “fazer recall de todas as brincadeiras que reforcem clichês sobre gênero”, pedindo aos responsáveis que ofereçam carrinhos para meninas e bonecas para meninos.

Após o lançamento do vídeo, a marca passou a ser criticada nas redes sociais, atraindo mais críticos do que apoiadores para esta causa. Com quase meio milhão de views no Youtube, o comercial teve 141 mil “não curti” e apenas 14 mil curtidas, o que mostra a insatisfação da população brasileira com o tema.

Assista:

PUBLICIDADE

Últimas notícias

Brasil/Mundo39 minutos atrás

Moraes determina prisão preventiva e extradição de Allan dos Santos

Blogueiro bolsonarista é alvo do inquérito que apura a divulgação de notícias falsas

Brasil/Mundo2 horas atrás

Covid-19: 20 milhões de brasileiros estão com a segunda dose da vacina atrasada

Índice de pessoas completamente vacinadas contra a doença já teria passado dos 80% do público-alvo, caso não houvesse atraso na...

Brasil/Mundo23 horas atrás

Governo Federal anuncia o Auxílio Brasil de R$ 400 até o final de 2022

O número de beneficiários será ampliado em relação ao Bolsa Família e deve chegar a 16,9 milhões de famílias

Brasil/Mundo2 dias atrás

Inscrições para cursos gratuitos do Google encerram nessa sexta (22/10)

As capacitações são na área de tecnologia e começam nesse ano

Brasil/Mundo2 dias atrás

Censura: Instagram retira ‘recurso de links’ de perfis conservadores

Internautas falam de perseguição política e tentativa de censura

Brasil/Mundo3 dias atrás

Lego anuncia brinquedos sem gênero para influenciar crianças “contra o preconceito”

Para a marca, acabar com o “estereótipos nocivos” vai ajudar as crianças a não serem preconceituosas

Brasil/Mundo3 dias atrás

Por reclamarem de banheiro coletivo unissex, Joana Prado e Vitor Belford perdem patronício

A empresa foi pressionada por internautas para romper contrato com o casal; usuários da rede alegam de "transfobia"

Brasil/Mundo4 dias atrás

Pesquisa aponta profissão de professor como a mais confiável entre a população

Foram ouvidos de 19 mil entrevistados com idades entre 16 e 74 anos em diferentes países

Publicidade