Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Política

Com voto favorável de Valderez, Assembleia aprova lei que implementa melhorias na estrutura da PM-TO

A nova lei da PM-TO altera a estrutura organizacional a fim de torná-la mais dinâmica, permite que os cursos de capacitação possam ser cumpridos em diversas unidades e abre novas possibilidades de crescimento na carreira.

Publicado

em

A deputada estadual, Valderez Castelo Branco, votou favorável ao projeto  de Lei Complementar (PLC) 01/2021 que dispõe sobre a organização básica da Polícia Militar do Tocantins (PM-TO), de autoria do Governo Estadual. Aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado (Aleto) nesta terça-feira (14), a proposta equipara a corporação a uma secretaria de Estado e agora segue para sanção do Governador Mauro Carlesse.

Segundo o Governo do Estado, a nova lei da PM-TO altera a estrutura organizacional a fim de torná-la mais dinâmica, permite que os cursos de capacitação possam ser cumpridos em diversas unidades e abre novas possibilidades de crescimento na carreira.

Para Valderez, a Polícia Militar do Tocantins é um exemplo no serviço e dedicação a comunidade e deve ser reconhecida pelo poder público e pela sociedade. “Os homens e mulheres que fazem parte da Polícia Militar do Tocantins devem ser valorizados. Com esta lei, buscamos oferecer cada vez mais uma condição de trabalho digna e justa para todos”, disse.

De acordo com o Comandante Geral da Polícia Militar, Coronel Júlio Manoel da Silva Neto, a lei regulariza  os soldados de primeira e segunda classe, além de readequar o Quadro de Oficiais de Saúde e da Banda de Música, possibilitando a isonomia entre os profissionais militares e a chegada ao oficialato mediante a conquista dos devidos pré-requisitos. “Ontem a PM conquistou o reconhecimento do profissionalismo que eles desempenham tanto para o público interno, quanto para o externo. Agradecemos ao Governador e aos deputados que acreditam na nossa instituição”, declarou.

PUBLICIDADE