Conecte-se conosco

Política

Comissão no Senado aprova projeto para legalizar casamento gay

Publicado

em

Da Redação JM Notícia

Nesta quarta-feira (3) a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou um projeto que permite a união estável entre pessoas do mesmo sexo e posterior conversão dessa união em casamento.

A primeira votação do texto do PLS 612/2011 foi aprovada na CCJ em 8 de março, dessa vez houve uma votação simbólica sem contagem de votos.

Mesmo sendo um projeto de caráter terminativo, o texto não irá direto para a Câmara como seria o comum, mas deverá passar no plenário do Senado antes, por conta de um recurso apresentado por senadores contra a proposta.

O texto que está em votação é de autoria da senadora Marta Suplicy (PMDB-SP) com relatoria do senador Roberto Requião (PMDB-PR). A proposta é alterar pontos do Código Civil que classifica como entidade familiar apenas a união entre um homem e uma mulher.

O texto prevê a mudança do artigo 226 tirando a parte que prevê “a união estável entre o homem e a mulher” para “união estável entre duas pessoas”. Outra alteração proposta é trocar trechos da lei que se referem a “marido e mulher” para “duas pessoas” ou “cônjuges”.

 

Magno Malta é um dos contrários ao texto

O senador Magno Malta (PR-ES) é um dos senadores da CCJ contrário ao texto e tem apoio dos senadores Eduardo Amorim (PSDB-ES) e Eduardo Lopes (PRB-RJ).

Magno Malta deixa claro que a votação “simbólica” aconteceu diante de três senadores, pois os 27 participantes da comissão não estavam presentes na hora que a votação aconteceu. Portanto ele apresentou o recurso para que o texto passe pelo plenário do Senado.

“Nós vamos requerer que seja levado ao Senado para que o conjunto dos cidadãos decidam. O Brasil conhece a minha posição sobre este tema, aliás a posição da maioria dessa casa que conhece o casamento e reconhece família como nos moldes de Deus, macho e fêmea”, completou.

Defendendo a família tradicional, o senador evangélico lembrou que a maioria do povo brasileiro é cristã, tendo a mesma visão que ele sobre o assunto. “Me estranha muito isso ser aprovado com três senadores na sala em uma comissão de 27”.

Assista:

PUBLICIDADE

Últimas notícias

Brasil/Mundo1 dia atrás

ANAJURE defende liberdade do colégio batista notificado por vídeo contra a ideologia de gênero

"O vídeo em questão, ainda que expresse discordância quanto às teorias de gênero, não estimula qualquer conduta discriminatória", diz a...

Brasil/Mundo1 dia atrás

Livro infantil enfrenta a ideologia de gênero: “Elefantes não são pássaros”

"O livro é uma repreensão absoluta à aceitação da transexualidade e ao número crescente de jovens que se identificam como...

Brasil/Mundo1 dia atrás

Cursos profissionalizantes são aliados na busca pelo emprego

Evento on-line e gratuito vai debater a educação profissionalizante

Brasil/Mundo2 dias atrás

Pandemia afetou o comportamento de responsáveis por crianças de até três anos em famílias de classe D

Isolamento e crise financeira trouxeram efeitos perversos da desigualdade nas classes mais baixas

Brasil/Mundo2 dias atrás

Bolsa Família pode ter reajuste de 50% ou mais, diz ministro

Valores passarão a ser pagos a partir de novembro

Brasil/Mundo2 dias atrás

“O povo vai reagir em 2022 se não tivermos uma eleição democrática”, diz Bolsonaro

O presidente tem defendido a aprovação do projeto de lei pelo voto impresso auditável

Brasil/Mundo3 dias atrás

Lei do Superendividamento favorece negociação e cobrança humanizada

Início das multas no contexto da Lei Geral de Proteção de Dados também deve frear a oferta de crédito a...

Brasil/Mundo3 dias atrás

Brasil ultrapassa marca de 60% da população vacinada com primeira dose contra Covid-19

São mais de 96 milhões de pessoas, das 160 milhões com mais de 18 anos, que receberam a primeira dose...

Brasil/Mundo5 dias atrás

Olimpíadas de Tóquio têm medalhas feitas por designer japonês

Junichi Kawanishi foi o vencedor de um concurso com 400 participantes

Brasil/Mundo5 dias atrás

Entidades e mais de 50 juristas assinam carta em defesa da indicação de André Mendonça ao STF

Texto mostra que um jurista evangélico também pode assumir uma cadeira na Suprema Corte