Conecte-se conosco

Brasil/Mundo

Cristãos são sequestrados no Egito

Publicado

em

Bakhit Aziz Georgi e o filho Osama ainda estão desaparecidos no Egito

Na noite de 4 de agosto, o cristão Bakhit Aziz Georgi, 68, foi abordado por um homem armado e forçado a segui-lo. O sequestro aconteceu enquanto a vítima trabalhava no pequeno comércio próprio, no Egito. Na ocasião, o sobrinho de Georgi, Youssef Girgis, viu o tio sendo levado para uma caminhonete. Ele, então, pediu para que o parente fosse solto. Mas os sequestradores quiserem ver a identidade do homem de 35 anos. Após perceberem que Youssef também era cristão, capturaram ele também.

+ Cristãos são presos durante demolição de igreja no Egito

A filha de Georgi, Mariam, testemunhou o incidente e ainda tentou fazer com que os homens desistissem de levar os cristãos. “Quando encontrei meu pai na caminhonete, implorei aos sequestradores que soltassem ele. Mas eles me disseram que não”, testemunha a jovem de 21 anos. Apesar dela ter pedido ajuda das pessoas que passavam pelo local, ninguém atendeu o pedido e a única coisa que pôde fazer foi chorar.

Outro filho de Georgi, Ramzy, afirmou que não reconheceu os sequestradores por meio das imagens das câmeras de vigilância. A família é a única cristã no vilarejo, mas vive em paz com os muçulmanos. “Meu pai não tinha inimigos. Essas pessoas eram estranhas para nós”, afirma. Porém, não é a primeira vez que um integrante da família foi sequestrado. Em 2016, Osama foi capturado e nunca mais visto pelos pais e irmãos.

Impunidade em crime contra cristãos

“Após o sequestro de meu irmão, sentimos que estávamos em perigo, mas meu pai se recusou a deixar a área até que meu irmão voltasse”, diz Ramzy. Na ocasião, a família cristã avisou à polícia, mas o crime não foi investigado. “Se uma ação fosse tomada contra os sequestradores no primeiro incidente, o segundo não teria ocorrido. E se a polícia também não fizer nada neste caso, isso [acontecerá novamente] com outros cristãos”, conclui um outro parente que preferiu não se identificar.

Pela graça de Deus, no dia 20 de agosto, Youssef foi deixado vivo no deserto. Porém, Georgi e Osama ainda continuam desaparecidos. O cristão mais velho tem diabetes e precisa de medicamento diariamente. Por isso, a família está preocupada e pede oração de todos os irmãos e irmãs ao redor do mundo.

Publicidade

Últimas notícias

Brasil/Mundo6 horas atrás

Alexandre de Moraes revoga prisão do jornalista Oswaldo Eustáquio

Ministro afirma que detenção foi para evitar “agressões e ameaças contra a democracia” no 7 de setembro.

Brasil/Mundo7 horas atrás

Universidade holandesa está com inscrições abertas para cursos on-line gratuitos

Formações já estão disponíveis no site da instituição

Brasil/Mundo15 horas atrás

5 perguntas respondidas sobre a terceira dose das vacinas de Covid-19

A terceira dose já começou a ser aplicada no Brasil, idosos são os primeiros a receberem o reforço vacinal

Brasil/Mundo1 dia atrás

Workshop sobre meio ambiente e astronomia recebe inscrições até 22/09

GLOBE Brasil 2021 é realizado pela Agência Espacial Brasileira (AEB); confira como participar

Brasil/Mundo1 dia atrás

Ministério Zoe retorna aos lançamentos com a canção “Se dê mais uma chance”

A faixa chega nas plataformas nesta quarta-feira (22) em todas as plataformas digitais

Brasil/Mundo2 dias atrás

Caixa Econômica anuncia redução de juros para Crédito Imobiliário Poupança Caixa

Banco alcançou a marca de R$ 300 bilhões contratados na atual gestão e segue como o maior financiador da casa...

Brasil/Mundo2 dias atrás

“Big Mouth”: Grupo pró-família denuncia desenho da Netflix por abuso sexual infantil

Grupo pede que autoridades investiguem se o programa viola as leis contra pornografia infantil

Brasil/Mundo2 dias atrás

MG terá investimento de R$ 5,2 bilhões em projetos de energia solar e híbrida

Companhia alemã investirá o valor na construção de três usinas de energia limpa, sendo duas solares e uma de fonte...

Brasil/Mundo5 dias atrás

Hábitos que surgiram na pandemia e podem gerar sofrimentos psíquicos como ansiedade e depressão

Psicóloga e professora da UniAvan dá dicas para identificar quando um hábito se torna uma síndrome, como tratar e como...

Brasil/Mundo5 dias atrás

Instituto faz campanha para promover reconstrução facial gratuita para quem sofre com o rosto desfigurado

A parceria entre o Instituto Mais Identidade e a UNIP visa devolver a autoestima e a esperança dos pacientes