Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Mundo Cristão

Da prisão, Jornalista Welligton Macedo pede apoio ao pastor Joel Serra para promover dois domingos de oração pelo país

O líder da Marcha da Família foi preso por criticar o ministro Alexandre de Moraes e convocar as pessoas para a manifestação do dia 7 de setembro

Publicado

em

O jornalista Wellington Macedo, preso por convocar as pessoas para participarem das manifestações do dia 7 de setembro, fez um pedido especial para que sua advogada, Mônica Holanda, conversasse com o pastor Joel Serra, do Movimento Cristão Conservador (MCC), para promover dois domingos de oração pelo país.

Wellington está preso a pedido de ministro Alexandre de Moraes, e está em jejum e oração da prisão há quase 20 dias. Enquanto orava, o jornalista teve uma visão e solicitou à sua advogada que transmitisse o que ele viu.

“O que ele sentiu de Deus foi que nós fizéssemos uma campanha de dois domingos, dia 26 de setembro e 3 de outubro, tanto evangélicos quanto católicos, para que levem para as igrejas cartazes brancos com letras verdes e amarelas escritos com frases de Salmos, Provérbios e passagens de Paulo. Que levassem também nesses cartazes os nomes dos ministros do Poder Executivo e dos ministros do STF para que possamos orar por esses líderes“, diz a advogada.

Macedo teria sentindo que o tema da campanha seja firmado em II Coríntios 10:4 que diz: “Porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas sim poderosas em Deus para destruição das fortalezas”.

“O tema da campanha pra trazer o povo pra entender o poder das nossas armas em Deus”, completa a advogada.

O pastor Joel foi escolhido para transmitir essa mensagem por ter influencia com grandes líderes cristãos do Brasil.

Mônica Holanda relevou também que seu cliente está bastante debilitado e tem se dedicado a ter momentos com Deus, com muito jejum e oração.

PUBLICIDADE