Conecte-se conosco

Tocantins

Defesa de Amastha contesta inquérito da PF que o acusa de corrupção e cobrança indevida de IPTU

Publicado

em

Da Redação JM Notícia

O prefeito de Palmas, Carlos Amastha, foi indiciado pela Polícia Federal por corrupção por conta de uma suposta fraude na licitação para a construção do BRT na cidade. Diante desta decisão, a defesa do prefeito resolveu protocolar nesta terça-feira (19) uma petição demonstrando que o relatório final apresentado pela PF “encontra-se absolutamente desprovido de sustentação fática e probatória as quais pudessem ser aptas a ensejar infração penal”.

No documento enviado à imprensa, o advogado de Amastha, Leandro Manzano Sorroche, mostra provas que não houve nenhum tipo de informação privilegiada que possa ser considerada ilegal a ponto de incriminar o prefeito.

“Assim sendo, sem muito esforço, notório que o projeto do Bus Rapid Transit (BRT) da Prefeitura de Palmas era fato público e notório ainda no ano de 2013, não procedendo às conclusões errôneas e equivocadas de informações privilegiadas à empresa denominada Constran S/A Construções e Comércio”, diz o documento.

O advogado ainda afirma que a empresa que suspeitou de informações privilegiadas não participou do processo licitatório e diante de todas essas provas, ele pede o arquivamento do processo.

Caso da cobrança de impostos 

No mesmo inquérito Amastha é indiciado pela cobrança indevida de impostos. Segundo apuração da PF o prefeito aumentou o valor do IPTU do morador de Palmas Egon Just que tem uma grande quantidade de terras e que parte delas passa onde a Prefeitura pretende instalar o BRT.

Egon Just é um dos maiores devedores de impostos da cidade, pois os aumentos da Prefeitura tornaram o pagamento do tributo impossível.

Na defesa do prefeito, o advogado diz que a Procuradora Renata Ribeiro Baptista teria captado informações com o proprietário das terras para incriminar Amastha, “contudo, , absolutamente não existe nenhum ato que pudesse concluir pela prática de crime”.

PUBLICIDADE

Últimas notícias

Brasil/Mundo7 horas atrás

Israel fará testes com vacina em pílulas contra Covid-19

A vacina Oravax é projetada para atingir três proteínas estruturais do vírus, em vez da proteína de pico único direcionada...

Brasil/Mundo8 horas atrás

Por não reconhecer Israel como país, judoca da Argélia se nega a lutar contra israelense

Para os islâmicos, enfrentar um atleta israelense é reconhecer o país e muitos se negam a fazê-lo

Brasil/Mundo10 horas atrás

Roberto Jefferson dispara contra embaixador da China no Brasil: “Pilantra que articula contra o governo”

No Twitter, Jefferson chamou o diplomata de “vagabundo que a China mandou para o Brasil”

finanças finanças
Brasil/Mundo11 horas atrás

62,5 milhões de brasileiros estão inadimplentes, aponta estudo da Serasa

Serasa realiza a ação "Limpa Nome" que permite negociar dívidas com até 99% de desconto

Brasil/Mundo11 horas atrás

Braga Netto desmente Estadão: “Desinformação que gera instabilidade”

Apesar da declaração do ministro da Defesa, o jornal mantém a reportagem no ar

Brasil/Mundo12 horas atrás

Bolsonaro assina projetos de lei em favor da família e contra o aborto

Em reunião com o Presidente da República Jair Bolsonaro nesta quarta-feira (21), o Ministério da Mulher, da Família e dos...

Brasil/Mundo1 dia atrás

Ministro da Defesa quebra o silêncio e condiciona eleições de 2022 ao voto impresso

General Walter Braga Netto mandou recado para o presidente da Câmara, afirmando que as eleições de 2022 devem ser "auditáveis"...

Brasil/Mundo1 dia atrás

Deputada Rosane Felix repudia desenho com ideologia de gênero e linguagem neutra da Netflix

"Ridley Jones – a Guardiã do Museu" tem um personagem não binário e uma família de múmias com dois pais

Brasil/Mundo1 dia atrás

Redes sociais terão emojis de homens grávidos

Homens trans são mulheres biológicas que fizeram a mudança de gênero

Brasil/Mundo2 dias atrás

Prouni 2021: MEC divulga resultado da primeira chamada

Pré-selecionados precisam apresentar documentos para comprovar informações