Conecte-se conosco

Tocantins

Deputado Eli Borges é recebido na Fecomércio por entidades que compõem o Sistema S no Tocantins

De acordo com o deputado Eli Borges, o Sistema S deveria atuar com 100% de gratuidade e a distribuição da receita nacional poderia ser revista

Publicado

em

Ocorreu ontem, 10 de junho, na sede do Sistema Fecomércio, uma reunião entre o Deputado Federal Eli Borges e representantes das entidades que compõem o Sistema S no Tocantins e são citadas em um projeto de lei de autoria do deputado. O encontro transcorreu com um diálogo transparente no intuito de sensibilizar o parlamentar sobre a importância das entidades para o estado e principalmente, os impactos negativos que poderão ocorrer com a proposta que tramita na Câmara.

Participaram desta reunião o presidente do Sistema Fecomércio – Sesc – Senac – Ifpd, Itelvino Pisoni, o presidente da Faet/Senar, Paulo Carneiro, o presidente do Sistema OCB/Sescoop, Ricardo Khouri, a diretora do Senai, Márcia Rodrigues que representou na ocasião o presidente do Sistema Fieto – Sesi – Senai – IEL, Roberto Pires, a diretora executiva da Fecomércio, Alexandra Bramatti, o diretor regional do Sesc, Marco Antonio Monteiro, e assessores de ambas as entidades.

O Projeto de Lei 6505/19, em resumo, determina que a contribuição das empresas do chamado “Sistema S” seja facultativa, limitada a 1% da remuneração paga mensalmente aos empregados e ainda, que dessa arrecadação, 30% sejam destinados à seguridade social.

De acordo com o deputado Eli Borges, o Sistema S deveria atuar com 100% de gratuidade e a distribuição da receita nacional poderia ser revista, aumentando a parcela de receita oriunda dos estados mais ricos destinada aos estados menos desenvolvidos. “No meu entendimento o Sistema S tem que fazer o que fez por mim quando eu tinha 14 anos, a graça de sonhar com um tempo novo me dando curso de graça”.

Para o presidente do Sistema Fecomércio, Itelvino Pisoni, o impacto da retirada da compulsoriedade acarretará em prejuízos enormes para o estado. “Hoje nós estamos falando de uma pequena parcela que contribui para o Sistema S pois mais de 98% das empresas do estado não contribuem por serem isentas. Se caso essas contribuições acabem, seremos prejudicados duplamente, pois o Tocantins recebe atualmente através dos departamentos nacionais recursos arrecadados de outros estados maiores para subsidiar diversas atividades, seria um efeito cascata. E com isso, apenas com os 11% obtidos de receita própria, seria impossível manter nossas unidades oferecendo todos os serviços que hoje oferecemos à sociedade, de forma gratuita ou com preços baixos. O impacto disso seria o fechamento de unidades, diminuição drástica de atendimentos e a perda de geração de emprego e renda que nossas instituições geram ao Tocantins”, ressaltou.

Por fim, após ouvir os clamores dos representantes, o deputado Eli Borges reconheceu a gravidade em tornar facultativa a contribuição e reiterou dizendo: “O projeto está tramitando, mas é passível de receber sugestões, a ideia é que ele possa melhorar para que todos possam ganhar no resultado final. O Sistema S tem a sua importância, tem o meu respeito e vai continuar tendo, dentro de uma visão propositiva, de construção ainda mais ampliada para que os empresários estejam preparados para os tempos novos aqui no Tocantins, tornando nosso estado mais competitivo”, disse.

Ao final da reunião foi protocolado um ofício que contém informações acerca do Sistema S no Tocantins e traz um resumo de todo o funcionamento das entidades.

AGROTINS 2021

Últimas notícias

Brasil/Mundo23 horas atrás

Levantadora de pesos diz que a presença de atletas trans tornará o jogo olímpico “injusto”

Laurel Hubbard já competia nos campeonatos masculinos até que em 2013 se tornou mulher trans

Brasil/Mundo23 horas atrás

PM de Alagoas exonera subcomandante que defende Bolsonaro e ataca opositores nas redes sociais

Um dia após a exoneração, o militar publicou uma foto no Facebook e escreveu: "Entre o louco e o corrupto,...

Brasil/Mundo1 dia atrás

Benjamin Netanyahu deixa o cargo de primeiro-ministro de Israel

Novo premiê foi eleito pelo parlamento israelense após acordos políticos

Brasil/Mundo1 dia atrás

Biden hasteia a bandeira LGBT na embaixada dos EUA no Vaticano e é criticado

Entre os críticos está o pastor Franklin Graham que entendeu a decisão como um desrespeito ao simbolismo religioso do Vaticano

Brasil/Mundo1 dia atrás

Mandato de Benjamin Netanyahu chega ao fim em Israel

É a primeira vez que o partido árabe Ra’am fará parte oficialmente do governo, que terá apoio de uma coalização...

Brasil/Mundo1 dia atrás

Doria cumpre o que prometeu e multa Bolsonaro por andar sem máscara em ‘motociata’

O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, também foram multados

Brasil/Mundo4 dias atrás

Vídeo: Pastor Wellington Júnior recebe forte profecia de que irá enfrentar muitos levantes

"Agora esse é o momento meu filho, em que tu às de assumir muitas responsabilidade na minha obra", disse a...

Brasil/Mundo4 dias atrás

Liminar ordena a suspensão da Lei do Aborto na Argentina por inconstitucionalidade

Ação movida por um cidadão resultado na liminar assinada na cidade de Mar del Plata

Brasil/Mundo5 dias atrás

Câmara aprova urgência para projeto que institui federações de partidos políticos

Pelo projeto, após registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), atuem como se fosse uma agremiação única

Brasil/Mundo5 dias atrás

Taxa de empreendedorismo no Brasil cai mais de 18% durante a pandemia

De acordo com o relatório da GEM 2020, o número de empreendedores iniciais motivados por necessidade saltou de 37,5% para...