Conecte-se conosco

Brasil/Mundo

Eli Borges critica ativismo judiciário: “As leis precisam nascer do Congresso”

Publicado

em

Redação JM Notícia

Deputado Federal Eli Borges

O deputado federal Eli Borges (SD-TO) defendeu a divisão dos poderes ao se colocar contrário ao ativismo judiciário que tem levado o Supremo Tribunal Federal (STF) a legislar a respeito de vários temas que não passaram pelo Legislativo.

Os parlamentares da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania debateram nesta terça-feira (10), sobre um requerimento de retirada de pauta de uma emenda que trata sobre procedimentos em CPIs em andamento na Câmara.

Muitos parlamentares entenderam que é momento dos deputados agirem para impedir que o STF proíba-os de trabalhar nas comissões que possuem carater de investigação.

Ao citar decisões como a criminalização da homofobia, Eli Borges exemplificou a forma como o ativismo judiciário tem impactado os trabalhos no Congresso. 

“Há um debate in voga em todo o Brasil neste momento sobre o ativismo judicial ou da usurpação do poder de legislar. De fato, tivemos recentemente decisões como a de homofobia e outras que contrariavam em cheio o Artigo 5º da Constituição Federal. Não estamos discutindo o direito de certos segmentos provocado o Judiciário, mas sim o que ele faz depois de ser provocado”.

Na visão de Eli Borges, parece que o STF “aproveita uma provocação para depois tomar uma decisão que a priori seria dos deputados”, o que já se classifica como uma usurpação de papéis.

“Parece que alguns ministros pegam carona na provocação e fazem leis, normas e regras e assim o Brasil vai se tornando um Estado de exceção”, completou ele deixando claro que as leis precisam ser criadas no Congresso. 


PUBLICIDADE

Últimas notícias

Brasil/Mundo2 horas atrás

Israel fará testes com vacina em pílulas contra Covid-19

A vacina Oravax é projetada para atingir três proteínas estruturais do vírus, em vez da proteína de pico único direcionada...

Brasil/Mundo3 horas atrás

Por não reconhecer Israel como país, judoca da Argélia se nega a lutar contra israelense

Para os islâmicos, enfrentar um atleta israelense é reconhecer o país e muitos se negam a fazê-lo

Brasil/Mundo6 horas atrás

Roberto Jefferson dispara contra embaixador da China no Brasil: “Pilantra que articula contra o governo”

No Twitter, Jefferson chamou o diplomata de “vagabundo que a China mandou para o Brasil”

finanças finanças
Brasil/Mundo7 horas atrás

62,5 milhões de brasileiros estão inadimplentes, aponta estudo da Serasa

Serasa realiza a ação "Limpa Nome" que permite negociar dívidas com até 99% de desconto

Brasil/Mundo7 horas atrás

Braga Netto desmente Estadão: “Desinformação que gera instabilidade”

Apesar da declaração do ministro da Defesa, o jornal mantém a reportagem no ar

Brasil/Mundo7 horas atrás

Bolsonaro assina projetos de lei em favor da família e contra o aborto

Em reunião com o Presidente da República Jair Bolsonaro nesta quarta-feira (21), o Ministério da Mulher, da Família e dos...

Brasil/Mundo1 dia atrás

Ministro da Defesa quebra o silêncio e condiciona eleições de 2022 ao voto impresso

General Walter Braga Netto mandou recado para o presidente da Câmara, afirmando que as eleições de 2022 devem ser "auditáveis"...

Brasil/Mundo1 dia atrás

Deputada Rosane Felix repudia desenho com ideologia de gênero e linguagem neutra da Netflix

"Ridley Jones – a Guardiã do Museu" tem um personagem não binário e uma família de múmias com dois pais

Brasil/Mundo1 dia atrás

Redes sociais terão emojis de homens grávidos

Homens trans são mulheres biológicas que fizeram a mudança de gênero

Brasil/Mundo2 dias atrás

Prouni 2021: MEC divulga resultado da primeira chamada

Pré-selecionados precisam apresentar documentos para comprovar informações