Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Brasil/Mundo

Especialistas israelenses analisam os efeitos de longo prazo da vacina da Pfizer

A segurança da vacina que usa o RNA mensageiro é questionada em vários países

Publicado

em

A American Food and Drug Administration aprovou totalmente a vacina Pfizer contra o coronavírus na semana passada, mas observou em seu comunicado à imprensa que “ainda não há informações disponíveis sobre os resultados potenciais para a saúde em longo prazo”.

No entanto, Tal Brosh, chefe da Unidade de Doenças Infecciosas do Hospital Universitário Samson Assuta Ashdod, disse ao The Jerusalem Post que embora ele não possa afirmar que sabe o que vai acontecer em 10 anos, “não há razão verdadeira para pensar que haja algo significativo efeitos de longo prazo ”da vacina.

Ele explicou que não há outra vacina avaliada por uma década antes da aprovação e que não há um exemplo de outra vacina – embora nenhuma outra vacina seja uma vacina de mRNA – que tenha sido associada a quaisquer efeitos significativos a longo prazo .

“Não há evidência de que algo esteja acontecendo a menos que tenha acontecido nas primeiras duas horas, duas semanas ou dois meses”, disse Michal Linial, professor de química biológica da Universidade Hebraica de Jerusalém. “Não sabemos de nenhum outro exemplo em que o sistema imunológico decidiu reagir repentinamente a uma vacina que foi dada 15 anos antes.”

Há também poucos exemplos de pessoas que ficam nervosas em relação a uma injeção de reforço de uma vacina já aprovada.

Se uma pessoa fosse cortada por um metal enferrujado e fosse ao médico, o profissional de saúde provavelmente diria a essa pessoa para tomar uma vacina antitetânica. É impA segurança da vacina que usa o RNA mensageiro é questionada em vários paísesrovável que esta pessoa pergunte ao médico se a dose de reforço é segura ou se pode impedi-la de engravidar ou de ele ter filhos.

“É a mesma coisa”, disse Linial. “Eu posso entender no início que foi um avanço e as pessoas ficaram chocadas, como se fosse uma espécie de satélite para a Lua e eles não quisessem ser os primeiros no satélite. Mas agora sabemos: não é nada disso. ”

Em vez disso, mais de dois bilhões de pessoas em todo o mundo foram inoculadas contra COVID-19 com mais de cinco bilhões de doses. Cerca de 210 milhões de doses de mRNA da Pfizer foram distribuídas na América, por exemplo. Em Israel, mais de 8,5 milhões de doses foram administradas.

Enquanto as vacinas tradicionais geralmente colocam um germe enfraquecido ou inativado em nossos corpos, de acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças, as vacinas de mRNA “ensinam nossas células a fazer uma proteína – ou mesmo apenas um pedaço de uma proteína – que desencadeia uma resposta imunológica dentro de nossos corpos. Essa resposta imunológica, que produz anticorpos, é o que nos protege de sermos infectados se o vírus real entrar em nossos corpos”.

Brosh disse que isso não significa que a vacina altere o código genético das pessoas. Em vez disso, ele disse que o mRNA é mais como um dispositivo USB inserido em um computador: ele não afeta o disco rígido do computador, mas executa um determinado programa.

“O RNA mensageiro é uma molécula muito frágil, o que significa que pode ser destruída com muita facilidade”, explicou Linial. “Se você colocar mRNA na mesa, por exemplo, em um minuto não vai sobrar nenhum mRNA. Isso é o oposto do DNA, que é o mais estável possível. ”

Ela disse que essa fragilidade é verdadeira para o mRNA de qualquer ser vivo, seja ele de uma planta, bactéria, vírus ou ser humano.

Fonte: The Jerusalém Post

PUBLICIDADE

Últimas notícias

Brasil/Mundo2 dias atrás

Deputado quer proibir banheiros unissex no Estado do RJ

O parlamentar se preocupa em inibir a importunação sexual, assédio e violência contra as mulheres e crianças

Brasil/Mundo3 dias atrás

EUA: Estudante de 15 anos sofre abuso sexual em banheiro unissex por rapaz de saia

O mesmo aluno, uma "menina trans" é acusada de cometer outros abusos contra seus colegas

Brasil/Mundo3 dias atrás

Com dois cultos de gratidão, Mocidade Ágape irá celebrar seu 41ª aniversário

O aniversário será um culto de GRATIDÃO a Deus e tem como tema Salmos 116:12

Brasil/Mundo4 dias atrás

Regime home office exige alguns cuidados com o corpo; especialista dá dicas

Mesmo com os benefícios, existem desvantagens que podem desencadear diversas patologias

Brasil/Mundo4 dias atrás

Valdemiro Santiago é condenado por dizer que governador da Bahia tem ‘pacto com o capeta’

O valor da indenização ficou fixado em R$ 35 mil, cabe recurso

Brasil/Mundo4 dias atrás

Brasil garante 354 milhões de vacinas para Covid-19 que serão aplicadas em 2022

 "Asseguramos que todos os brasileiros terão, ano que vem, uma campanha muito mais eficiente", contou o ministro Marcelo Queiroga

Brasil/Mundo4 dias atrás

Xuxa pede que apoiadores do presidente deixem de segui-la nas redes sociais e Bolsonaro responde: “Vamos unir o país”

A apresentadora quer o impeachment do presidente por conta da pandemia

Brasil/Mundo5 dias atrás

Defensoria Pública do Piauí lança edital de concurso com salário de R$ 23 mil

São cinco vagas para o cargo de Defensor Público Substituto e a formação de cadastro reserva.

Publicidade