Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Brasil/Mundo

Maranhão registra primeiros casos da variante indiana da Covid-19

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS) a variante está sendo classificada como um tipo digno de preocupação global

Publicado

em

Na manhã desta quinta-feira (20), o Conselho Nacional de Secretários das Saúdes (CONASS) confirmou o primeiro caso da variante indiana do coronavírus no Brasil.

A variante foi encontrada em um tripulante indiano, de 54 anos, que estava a bordo do navio MV Shandong da Zhi, atracado no litoral do Maranhão.

A notícia foi confirmada pelo presidente da CONASS, Carlos Lula, secretário de Saúde do Maranhão, dizendo que dos 15 pacientes com testes positivos, foi possível analisar apenas 6 amostras [os demais tinham contagem baixa de vírus] e em todas as amostras coletadas foram confirmadas a cepa indiana.

“A variante já estava presente em 51 países e aqui na América do Sul só estava presente na Argentina. O Brasil acaba sendo o segundo país da América do Sul com confirmação da cepa”, disse o secretário.

A tripulação do navio se encontra isolada, não tem permissão para atracar na costa do Maranhão e continuará fundeado.

Ainda de acordo com o secretário, pelo menos três pacientes saíram do navio para serem atendidos, e cerca de cem pessoas que tiveram contato com eles estão sendo rastreadas e serão isoladas e testadas.

PUBLICIDADE