Conecte-se conosco

Opinião

Marido “banana” uma característica dessa geração de homens omissos

Publicado

em

A562e3607c2469Por Renato Vargens

Antes de qualquer coisa torna-se importante afirmar que sou absolutamente contra a maridos cujas atitudes se caracterizam pela ditadura e despotismo.

Ao contrário destes coronéis do lar, as Escrituras Sagradas não autorizam aos homens a fazerem de suas esposas pessoas desprovidas de vontade, desejo e decisões.

Isto posto, vamos ao texto:

Nosso tempo tem sido marcado por uma significativa omissão masculina. Lamentavelmente tornou-se comum encontrarmos nos lares cristãos homens desprovidos de iniciativa e liderança, o que por si só tem trazido inúmeros problemas à família cristã.

Ora, Deus na sua Soberania determinou que a condução dos rumos da família bem como sua liderança deveria ser um papel masculino. (Efésios 5.2; 1 Co 11.9), contudo, devido ao feminismo, a inversão de papeis imposto pelo sociedade pós-moderna, além é claro de uma visão distorcida sobre o significado de masculinidade, os homens de nossas igrejas abandonaram suas funções, terceirizando suas responsabilidades como pais e maridos, o que se percebe nitidamente na devocionalidade familiar, senão vejamos:

1-) A maioria dos maridos entregaram a responsabilidade de educar, corrigir e disciplinar os filhos as suas esposas.

2-) A maioria dos maridos deixaram na mão de seus cônjuges a responsabilidade de ensinar os filhos os preceitos do Senhor. Nessa perspectiva, eles não conduzem os cultos domésticos, não tomam a iniciativa de levar a família a igreja, não oram, muito menos leem a Palavra de Deus com os seus filhos pequenos.

3-) Permitem que suas esposas decidam os rumos da família, tornando-se assim subservientes as decisões de suas mulheres.

4-) Omitiram-se na Igreja, permitindo que suas mulheres liderem “na e a” congregação, tornando-se apoiadores e não condutores da família e comunidade da fé.

Caro leitor, homens “banana” tem sido um grave problema na Igreja de Cristo, o que em parte tem contribuído para uma série de disfunções familiares o qual em si tem corroborado com o adoecimento da sociedade.

Diante do exposto julgo que mais do que nunca necessitamos regressar as Escrituras extraindo dela princípios práticos e saudáveis que se aplicado no temor do Senhor, poderá proporcionar tanto a homens como mulheres, a construção de uma família mais feliz.

Pense nisso!

Renato Vargens A562e3607c2469

Publicidade

Últimas notícias

Brasil/Mundo6 horas atrás

5 perguntas respondidas sobre a terceira dose das vacinas de Covid-19

A terceira dose já começou a ser aplicada no Brasil, idosos são os primeiros a receberem o reforço vacinal

Brasil/Mundo20 horas atrás

Workshop sobre meio ambiente e astronomia recebe inscrições até 22/09

GLOBE Brasil 2021 é realizado pela Agência Espacial Brasileira (AEB); confira como participar

Brasil/Mundo22 horas atrás

Ministério Zoe retorna aos lançamentos com a canção “Se dê mais uma chance”

A faixa chega nas plataformas nesta quarta-feira (22) em todas as plataformas digitais

Brasil/Mundo1 dia atrás

Caixa Econômica anuncia redução de juros para Crédito Imobiliário Poupança Caixa

Banco alcançou a marca de R$ 300 bilhões contratados na atual gestão e segue como o maior financiador da casa...

Brasil/Mundo1 dia atrás

“Big Mouth”: Grupo pró-família denuncia desenho da Netflix por abuso sexual infantil

Grupo pede que autoridades investiguem se o programa viola as leis contra pornografia infantil

Brasil/Mundo1 dia atrás

MG terá investimento de R$ 5,2 bilhões em projetos de energia solar e híbrida

Companhia alemã investirá o valor na construção de três usinas de energia limpa, sendo duas solares e uma de fonte...

Brasil/Mundo4 dias atrás

Hábitos que surgiram na pandemia e podem gerar sofrimentos psíquicos como ansiedade e depressão

Psicóloga e professora da UniAvan dá dicas para identificar quando um hábito se torna uma síndrome, como tratar e como...

Brasil/Mundo5 dias atrás

Instituto faz campanha para promover reconstrução facial gratuita para quem sofre com o rosto desfigurado

A parceria entre o Instituto Mais Identidade e a UNIP visa devolver a autoestima e a esperança dos pacientes

Brasil/Mundo5 dias atrás

Ministério da Saúde suspende vacinação contra Covid-19 em adolescentes sem comorbidades

Jovens de 12 a 17 anos que tomaram a primeira dose NÃO devem tomar a segunda dose

Brasil/Mundo5 dias atrás

Governo Federal propõe programa habitacional mais barato e mudanças no Casa Verde Amarela

Os usuários contemplados poderão ter descontos acima de R$ 30 mil no valor final do imóvel