Conecte-se conosco

Tocantins

MP e PF desarticulam esquema de desvios de recursos públicos na saúde do Bico do Papagaio

Publicado

em

uma denúncia anônima relatou a existência de um esquema criminoso a partir da emissão de NFs “frias”, emitidas por empresa de medicamentos em Augustinópolis, envolvendo prefeituras da região do Bico do Papagaio com a finalidade de desviar recursos da saúde / FOTO: Reprodução Internet

O Ministério Público do Tocantins (MPTO) e a Polícia Federal (PF) realizam na manhã desta quarta-feira, 7, uma operação conjunta na Região do Bico do Papagaio para desmontar um esquema criminoso responsável pelo desvio de mais de R$ 14 milhões de recursos na área da Saúde.

Estão sendo cumpridos 18 mandados de prisão e 36 mandados de busca e apreensão em Araguaína, Aguiarnópolis, Sítio Novo do Tocantins, Ananás, Augustinópolis, Buriti do Tocantins, Luzinópolis, Praia Norte, Palmeiras do Tocantins, Riachinho, São Sebastião do Tocantins e Maurilândia do Tocantins.

Leia+Ministério Público aciona a Justiça para que Palmas promova ampliação de leitos de UTI e de clínicos

As investigações foram iniciadas em 2019. Segundo o promotor de Justiça de Augustinópolis Paulo Sérgio Ferreira de Almeida, que coordena as investigações no âmbito do MPTO, uma denúncia anônima relatou a existência de possível esquema criminoso entabulado a partir da emissão de Notas Fiscais “frias”, emitidas por uma empresa de medicamentos localizada em Augustinópolis, envolvendo prefeituras da região do Bico do Papagaio com a finalidade de operacionalizar desvios de recursos públicos da saúde.

“O modus operandi é quase sempre o mesmo, consistente em emitir nota fiscal para os municípios, simulando uma venda de medicamento. Posteriormente a nota é cancelada pela empresa, mas, ao mesmo tempo, o ente público efetua o pagamento e utiliza a documentação para prestação de contas junto aos órgãos de controle”, detalhou.

Sede da Polícia Federal, Palmas-TO / FOTO: Reprodução Internet

Os investigadores constataram a existência de diversas transferências bancárias por parte dos responsáveis da empresa a servidores públicos municipais da área de licitações e vinculados à área da Saúde, incluindo secretários municipais e gestores do Fundo Municipal de Saúde de alguns dos municípios.

A Operação denominada “Bálsamo de Gileade” é coordenada pelo delegado da PF Tarcísio Júlio Moreira Lima e conta com a participação de 140 pessoas, entre agentes federais, promotores e servidores do Ministério Público. A Controladoria-Geral da União também integra a operação.

FONTE: Assessoria de Comunicação do MPE-TO

AGROTINS 2021

Últimas notícias

Brasil/Mundo12 horas atrás

Paulo Guedes diz que a privatização da Eletrobras está certa e adianta: “Vem aí os Correios”

O ministro comemorou também que mesmo diante da Pandemia, o Brasil tem tomado medidas importantes

Brasil/Mundo13 horas atrás

Barroso rejeita pedido de Bolsonaro para derrubar lockdown em estados

Para o ministro do STF, estados e municípios têm competência para editar normas para o enfrentamento da pandemia

Brasil/Mundo14 horas atrás

“Sou pré-candidato à presidência”, afirma João Doria

O polêmico governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta segunda-feira (21) que não será candidato à reeleição ao...

Brasil/Mundo14 horas atrás

Concurso Ibama: novo edital foi autorizado para mil vagas

De acordo com ex-ministro, foram mil vagas autorizadas ao todo pelo Ministério da Economia. Não houve mais informações se foi...

Brasil/Mundo2 dias atrás

Congresso Nacional decreta luto de três dias por mortos de Covid-19

Neste final de semana o país atingiu a marca de 500 mil brasileiros mortos em decorrência da covid

Brasil/Mundo2 dias atrás

Marca “Deus é Amor” poderá ser usada por outras igrejas, decide TJ

A Deus é Amor queria impedir que a expressão fosse utilizada pela Igreja Pentecostal Deus é Amor Renovada Ministério de...

Brasil/Mundo2 dias atrás

Programa de capacitação em tecnologia está com inscrições abertas para bolsas de estudo

Vagas são para estudantes recém-formados

Brasil/Mundo2 dias atrás

Brasil recebe 1,5 milhão de doses da vacina da Janssen

O Brasil deverá receber 38 milhões de doses do imunizante da Janssen este ano

Brasil/Mundo2 dias atrás

Universidade de Oxford testa ivermectina como possível tratamento para Covid-19

Segundo a Universidade, a ivermectina resultou na redução da replicação do vírus em estudos laboratoriais

Brasil/Mundo3 dias atrás

PGR pede ao STF para rejeitar ações de Bolsonaro contra o lockdown

O presidente, através da AGU, entrou com uma ação contra o lockdown adotado em três estados: Pernambuco, Paraná e Rio...