Conecte-se conosco

Opinião

Na busca pela reinvenção, instituições de ensino adotam provas on-line

Ricardo Costa

Publicado

em

A possibilidade de fazer processo seletivo por provas on-line é uma experiência positiva que muitas instituições de ensino já estão tendo. O método que começou a ser aplicado há poucos anos, ganhou força durante a pandemia do Covid –19 que chegou ao Brasil.

Assim como já ocorre na telemedicina e no streaming, o uso inteligente do meio digital pode proporcionar otimização de tempo e deslocamento, redução de custos, aumento da capacidade de atendimento, dentre outras vantagens. 

Na Educação, as ferramentas digitais possibilitam aulas remotas, colaboração no ensino-aprendizagem e realização de avaliações fora do espaço pedagógico. Todos esses processos podem ser realizados com segurança e comodidade.

Para o gestor comercial do Senac do Rio Grande do Sul, André Fontoura, a plataforma Vestibular Online, que viabiliza a realização de provas pela internet, é uma solução para atender às necessidades dos estudantes e das instituições de ensino, viabilizando agilidade na matrícula.

“Fazemos processos seletivos pelo Vestibular Online há mais de três anos. Antes, as provas eram realizadas nos laboratórios da instituição, agora, vamos possibilitar que o candidato possa fazer a prova de casa”, conta o gestor. Na visão do profissional, o uso da plataforma traz vários benefícios, uma vez que a comunicação entre aluno e instituição fica mais ágil e segura. “Ainda mais agora, com o cenário da pandemia do coronavírus”, pontua.

Com o processo do vestibular on-line, a prova pode ser feita pelos candidatos de onde eles estiverem e com segurança antifraude. “Neste momento, a maior vantagem é permitir que a instituição não pare a sua captação e o candidato tenha a flexibilidade de poder fazer a prova de onde estiver”, afirma Joyce Guedes, diretora do Vestibular Online.

No momento em que o mundo está em isolamento social por conta do Covid-19, o cenário atual dá espaço para que o digital faça parte, cada vez mais, da Educação. Por isso, o vestibular on-line é apontado por gestores da área educacional como solução para as instituições de ensino se reinventarem, por oferecer facilidade e comodidade na aplicação de processos seletivos.

Fonte:  Agência Educa Mais Brasil

Publicidade

Últimas notícias

Brasil/Mundo12 horas atrás

Prêmio Respostas para o Amanhã abre inscrições para alunos do ensino médio

A competição é uma iniciativa da Samsung

Brasil/Mundo17 horas atrás

Receita Federal adia o prazo de entrega da Declaração de Imposto de Renda

Novo prazo se encerrará no dia 31 de maio

Brasil/Mundo1 dia atrás

Lei que obriga escolas a ter Bíblia é inconstitucional, decide STF por unanimidade

Por unanimidade, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que a lei amazonense que obriga escolas e bibliotecas a manter pelo...

Brasil/Mundo2 dias atrás

Ativista pró-aborto morre após interromper a gravidez legalmente na Argentina

Jovem de 23 anos interrompeu a gravidez na quarta e faleceu no último domingo

Brasil/Mundo2 dias atrás

“Impeachment de ministro do STF não pode ser revanchismo”, diz Rodrigo Pacheco

Não permitiremos que o Senado atue de maneira revanchista ao relação ao Supremo

Brasil/Mundo2 dias atrás

Encceja 2020: avaliação tem calendário alterado novamente; confira

As provas serão aplicadas agora em agosto deste ano

Brasil/Mundo3 dias atrás

Estrutura física e tecnologia são essenciais para profissionais em home office

Com profissionais em sistema remoto é preciso pensar na estrutura física e tecnológica que facilitem o trabalho.

Brasil/Mundo3 dias atrás

Após 14 anos de governo de esquerda, Equador elege presidente conservador

Foram três tentativas até que Guilhermo Lasso conseguiu obter a maioria dos votos e se tornou o novo presidente do...

Brasil/Mundo3 dias atrás

Marcha da Família atrai milhares de pessoas em várias cidades do país

Grupos cristãos se manifestaram em várias cidades do país

Brasil/Mundo3 dias atrás

Padre solta o verbo contra veto a missas: “coisa de esquerdistas vagabundos”

Padre do interior de São Paulo acredita que em dez anos o Brasil será comunista se as igrejas não reagirem.

Publicidade