Conecte-se conosco

Brasil/Mundo

Neurocirurgião de Palmas alerta pais e professores sobre desafio da rasteira

Publicado

em

Redação JM Notícia

Neurocirurgião Márcio Figueiredo, coordenador do Núcleo de Neurologia e Neurocirurgia do Hospital IOP

A Sociedade Brasileira de Neurocirurgia divulgou nesta semana um comunicado alertando sobre os riscos de uma perigosa “brincadeira”, que ganhou as redes sociais nos últimos dias, em que crianças e adolescentes dão uma rasteira em outro colega.

Apelidado como desafio “quebra-crânio”, a ação arriscada é desempenhada por dois jovens, que se posicionam ao lado de um colega, que é orientado a pular e, então, recebe uma rasteira, vindo a cair em seguida e a bater a cabeça no chão.

Segundo o neurocirurgião Márcio Figueiredo, coordenador do Núcleo de Neurologia e Neurocirurgia do Hospital IOP, em Palmas, essa “brincadeira” pode levar à morte.

“É uma atitude que pode causar a morte de alguém, dependendo das estruturas da cabeça que forem afetadas. Isso pode causar uma fratura de base de crânio, na parte posterior da cabeça, e ocasionar até uma hemorragia, sendo necessário que a vítima seja submetida a um procedimento cirúrgico”, afirma o neurocirurgião.

O médico alerta que quando alguém é derrubado desta forma, como ocorre no desafio, a pessoa não consegue se defender ou evitar a queda. “Naquela região posterior da cabeça temos o seio transverso, o seio sigmoide, que é por onde drenamos o sangue que vai para o cérebro.

Aquela parte que bate primeiro no chão, a ponta do occipital, é por onde circula esse sangue. Um trauma nessa região da cabeça, além de ocasionar o rompimento desses vasos e machucar o cérebro, pode causar ainda uma hemorragia intracerebral, que pode levar à morte dependendo da situação.

Quando somos derrubados inesperadamente não temos defesa alguma. Nosso cérebro pode sofrer, ainda, um contragolpe. Com a velocidade da queda, o cérebro se desloca para a região do crânio, onde temos ossos pontiagudos. Esse movimento brusco pode levar nosso cérebro em direção a esses ossos e machucá-lo”, explica o neurocirurgião Márcio Figueiredo.

O especialista chama a atenção dos pais, professores, crianças e adolescente de todo o Tocantins, para que evitem qualquer tipo de envolvimento neste desafio. “É algo muito grave, que pode não levar a nada, mas pode ser fatal ou deixar sequelas, submeter o paciente a dias de internação no hospital, por exemplo. Não há necessidade desse tipo de ‘brincadeira’, de submeter nossos amigos, colegas, familiares, a um acidente, a uma fratura, apenas por ‘diversão’. Colocar em risco a vida de alguém que você gosta, que confia em você, é errado e depois você não poderá voltar atrás. Minha orientação para as crianças, adolescentes, e até mesmo os adultos, é que não repitam esse tipo de ação, que pode resultar em sérias consequências”, finaliza o médico.

Crime

Conforme o comunicado da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, o caso pode ser enquadrado como um crime. “O que parece ser uma brincadeira inofensiva, é gravíssimo e pode terminar em óbito. Os responsáveis pela ‘brincadeira’ de mau gosto podem responder penalmente por lesão corporal grave e até mesmo homicídio culposo”, aponta a SBN.

AGROTINS 2021

Últimas notícias

Brasil/Mundo2 dias atrás

Vídeo: Pastor Wellington Júnior recebe forte profecia de que irá enfrentar muitos levantes

"Agora esse é o momento meu filho, em que tu às de assumir muitas responsabilidade na minha obra", disse a...

Brasil/Mundo2 dias atrás

Liminar ordena a suspensão da Lei do Aborto na Argentina por inconstitucionalidade

Ação movida por um cidadão resultado na liminar assinada na cidade de Mar del Plata

Brasil/Mundo3 dias atrás

Câmara aprova urgência para projeto que institui federações de partidos políticos

Pelo projeto, após registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), atuem como se fosse uma agremiação única

Brasil/Mundo3 dias atrás

Taxa de empreendedorismo no Brasil cai mais de 18% durante a pandemia

De acordo com o relatório da GEM 2020, o número de empreendedores iniciais motivados por necessidade saltou de 37,5% para...

Brasil/Mundo3 dias atrás

Dória ameaça multar Bolsonaro se ele não usar máscara em evento em SP

O presidente deve se encontrar com 100 mil motociclistas na capital paulista

Brasil/Mundo4 dias atrás

Servidor do TCU que forjou relatório questionando mortes por Covid-19 é afastado do cargo

Relatório foi divulgado pelo presidente que precisou se desculpar pelo erro

Brasil/Mundo4 dias atrás

“Tem uma espécie de cristianismo do mal no Brasil”, diz ministro Barroso

Ministro é contra o voto impresso e falou sobre as críticas que recebe nas redes sociais

Brasil/Mundo5 dias atrás

STF decide na quinta-feira se Brasil terá Copa América

Enquanto há ações movidas contra a Copa América, jogos Pan-Americano de Ginástica Artística aconteceram sem alarde

Brasil/Mundo5 dias atrás

Educação e cultura digital são temas de debates virtuais promovidos pela FGV

Participação é gratuita; programação vai até amanhã (9)

Brasil/Mundo5 dias atrás

Relatório do UNICEF sugere que pornografia “nem sempre” é prejudicial para crianças

Documento diz que 39% das crianças espanholas ficaram felizes ao terem contato com conteúdo pornográfico