AD em Joinville desenvolve projetos para inclusão de pessoas com deficiências na igreja

Da redação JM

Com frequência, as pessoas com deficiências não encontram facilidades de se incluírem nas atividades de muitas igrejas devido ao fato destas não estarem preparadas para o acolhimento e interação com elas. Mas, felizmente, já há grande número de igrejas que mostram-se dispostas a reverter esse quadro e preparar seus membros para receberem e incluírem as pessoas com deficiência na comunidade local.

Exemplo disto é a Assembleia de Deus em Joinville – IEADJO, que realizou no mês de julho a primeira reunião oficial do Grupo de Inclusão de Pessoas com Deficiências.

Entendendo a importância dos temas “acessibilidade” e “inclusão”, que vem ganhando espaço nos debates das últimas décadas, no entanto sem entrar no mérito da construção do pensamento e sim especificamente tratar da realidade social a qual fazemos parte, é que a IEADJO presidida pelo Pastor Sérgio Melfior, Vice-presidente da CIADESCP, está em fase de implantação de inúmeros projetos voltados a estas comunidades.

O grupo inicialmente denominado EDIN (Evangelismo, Discipulado e Inclusão), é vinculado ao Departamento de Discipulado, coordenado pelo Pr. Joary Jossué Carlesso.

+ Com apoio da Convenção Ciadescp, músicos cristãos realizam encontro em Camboriú

+ “Deus tem se manifestado de forma muito especial”, diz presidente sobre AGE da Convenção Ciadescp

O EDIN é liderado pelo Pb. Fabiano Batista e conta com pelos menos 25 membros, na sua maioria pessoas com deficiências ou familiares que estarão liderando o trabalho de inclusão nas mais diversas frentes.

O trabalho da equipe de inclusão iniciará oficialmente na recepção e acomodação de pessoas com deficiências nos grandes eventos da IEADJO.

O Congresso de Missões Siloé que acontece de 16 a 20 de agosto, no Centreventos Cau Hansen em Joinville e o Congresso Discipulado para o Brasil (de 20 a 22 de setembro), serão os primeiros a contar com a equipe.

O projeto visa atender o município com o evangelismo, a fim de aplicar o Discipulado para a compreensão do Evangelho e sua restauração como os primeiros passos para a solidificação da fé em Cristo Jesus.

Além de atender as demandas nos grandes eventos da igreja, possibilitando acessibilidade das comunidades, outras atividades serão desenvolvidas, sendo elas:

- Criação do cadastro unificado de todos os deficientes físicos e intelectuais da IEADJO;
- Oficina de Capacitação para acomodadores e recepcionistas;
- Workshops de Inclusão;
- Curso para intérpretes de LIBRAS e líderes de inclusão;
- Participação no Dia da Empregabilidade;
- Culto alusivo, entre outras.

A equipe já está trabalhando na transcrição dos textos, convites, lições de discipulado e certificados em braille para inclusão dos cegos, além da preparação de materiais audiovisuais e em libras para o discipulado para surdos.

O Grupo de Inclusão está disponível para dar apoio a todas as pessoas com deficiências da comunidade, em parceria com instituições já tradicionais em Joinville.

O objetivo é dar suporte espiritual e fazer com que todos se sintam capazes de fazer a obra de Deus e incluídos plenamente na Igreja, o Corpo de Cristo.

(Com AD Joinville/Josue Carlesso)