Amastha cria campanha de arrecadação para distribuição de cestas básicas

Ex-prefeito busca ajuda dos palmenses em campanha de arrecadação para cestas básicas
Política

Nesta quinta-feira (26) faz um mês que o Brasil registrou o primeiro caso do novo coronavírus e são quase três mil agora, segundo o Ministério da Saúde – 482 de quarta-feira (25) para esta quinta-feira (26). Os mortos são 77. O registro de 20 mortes num único dia é o maior até agora.

Governos tomaram medidas de restrição em todo o país, levando a muitos pais de famílias trabelhadores ficarem sem renda por causa do comércio que também parou em sua grande parte.

+ Em retaliação a vereador, Cinthia Ribeiro exonera quase 50 servidores “atitude monstruosa”, diz Amastha

Os dados atualizados do Centro de Operações de Emergência em Saúde (COE Palmas Covid-19) revelaram mais um caso de coronavírus em Palmas, nesta quinta-feira, 26. Já são oito confirmados e 75 casos descartados na Capital.

Ajuda

Diante das dificuldades enfrentadas por famílias na capital, que não têm mais o que comer por causa da falta de emprego e recursos, o ex-prefeito Carlos Amastha lançou uma campanha de arrecadação para distribuir cestas básicas a famílias que vão se cadastrar em uma lista divulgada por ele nas redes sociais.

Amastha diz que a campanha não tem conotação política e que os dados dos cadastrados não serão usados em hipótese alguma para outro fim a não ser esse da campanha.