Araguaína será polo de aplicação de medicamento contra grave doença na região

Araguaína será polo de aplicação de medicamento contra grave doença na região
Tocantins

Araguaína vai se tornar um polo de administração do medicamento Palivizumabe. Atualmente, ele é disponibilizado pelo Ministério da Saúde e é usado em pacientes infantis com problemas respiratórios graves. A doença do trato respiratório inferior causada pelo vírus sincicial em pacientes pediátricos com alto risco pode causar até a morte.

O único polo de aplicação desse medicamento funciona em Palmas, o que acaba gerando grandes transtornos para o deslocamento de pacientes de cidades afastadas. Com a implantação do novo polo, o Hospital Municipal de Araguaína (HMA) passará a receber pacientes de toda a região norte do Tocantins.

Capacitação

Profissionais de saúde do Município passaram por uma capacitação ministrada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) para a implantação desse novo serviço. “O Estado tenta, desde 2015, a implantação do polo de administração de medicamento em Araguaína. Esse medicamento evita infecções respiratórias. Como o único polo é em Palmas, muitas crianças têm dificuldade no acesso a essa medicação devido ao deslocamento”, afirma Jailza da Rocha Guedes, enfermeira técnica da área da criança da SES.

A aplicação do medicamento é realizada de acordo com a maior incidência de casos da doença. O período no Tocantins é de fevereiro a junho.

Qualidade de vida aos pacientes

“É muito importante para a prevenção de infecções respiratórias, principalmente no pré e pós-operatório. Estamos felizes em poder ter esse polo, melhorando a qualidade de vida dos pacientes”, comemora o médico Márcio Miranda, coordenador da UTI Pediátrica do HMA.

A farmacêutica do HMA e UPA, Maria da Paixão Monteiro, ressaltou a importância do treinamento dos profissionais. “Fiquei feliz por mais esta conquista da saúde em nosso Estado e principalmente em nosso munícipio. Já estávamos esperando esta liberação já faz algum tempo e sabemos que trará um grande beneficio a nossa cidade e região”.

Polo em saúde

Araguaína é referência em especialidades de saúde. Possui em toda a região uma rede de atendimentos em diversas áreas. Na rede pública, os avanços no atendimento municipal, nas unidades básicas e Hospital Municipal, referência para região Macrocentro Norte, atendendo a pacientes de Araguaína e toda a região em baixa e média complexidades na área de pediatria, com a implantação da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) Pediátrica, inclusive realizando cirurgias cardíacas inéditas no Estado. O HMA é administrado pela Prefeitura com gestão do Instituto de Saúde e Cidadania (ISAC).

A cidade conta ainda com o 0800 da Saúde, com marcação e consultas por telefone. A implantação do Centro Especializado em Reabilitação (CER), único da Região Norte, com atendimentos de ortopedia, neurologia e oftalmologia, em fase de implantação dos serviços, terá capacidade para atender 100 pacientes por dia, de Araguaína e 63 municípios de toda a região.