Candidato evangélico que concorreu ao cargo de deputado estadual tem contas rejeitadas pelo TRE-TO

Durante sessão do Pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Tocantins, nesta quinta-feira, 10, a corte realizou analisou a prestação de contas de candidatos que concorreram nas eleições 2018, entre as contas analisadas e reprovadas está a do evangélico da Assembleia de Deus Ciadseta em Palmas, Irancildo Nunes Serra. Ele foi candidato a deputado estadual e obteve 1.282 votos (0,17% dos votos válidos).

Segundo o relator, Adelmar Aires Pimenta, ele afirmou que Irancildo Nunes recebeu doações referentes a material de publicidade de uma pessoa que não teria relação com essa atividade, o que contraria a legislação eleitoral, que estabelece que as doações realizadas em dinheiro devem constituir produto de seu próprio serviço ou de atividade econômica, e no caso de bens deve integrar o patrimônio do doador.

A doação representaria 29% do total arrecadado pelo candidato.