Destaque

Donos da "verdade"||Twitter censura publicação do Ministério da Saúde como "enganosa"

Sobre a publicação do Ministério da Saúde, a rede social informou que "Este Tweet violou as Regras do Twitter sobre a publicação de informações enganosas e potencialmente prejudiciais relacionadas à COVID-19".

O Twitter censurou neste sábado (16) uma publicação do Ministério da Saúde como “informação enganosa”. A publicação na rede social pelo Ministério da Saúde trat sobre atendimento precoce para o tratamento da Covid-19, e que por sua vez, foi marcada pelo Twitter como “potencialmente prejudicial” à saúde das pessoas.

O Ministério da Saúde, na publicação censurada pela rede social, diz que “quanto mais cedo começar o tratamento, maiores as chances de recuperação”. E continua: “Então, fique atento! Ao apresentar sintomas da Covid-19, #NãoEspere, procure uma Unidade de Saúde e solicite o tratamento precoce”.

 Sobre a publicação do Ministério da Saúde, a rede social informou que “Este Tweet violou as Regras do Twitter sobre a publicação de informações enganosas e potencialmente prejudiciais relacionadas à COVID-19”.

Trump

Recentemente o presidente americano Donald Trump também foi censurado e banido pela mesma rede social, Twitter, por ter posições conservadoras nos Estados Unidos.

Leia também: Após sofrer ataques covardes, Bolsonaro dispara contra Dória: "moleque" e "sem moral": "Vira homem"

Leia também: Pandemia: Pastores vão ao MP para evitar fechamento de igrejas

Leia também: APEBE-TO repudia preconceito religioso de vereador palmense que quer barrar homenagem aos evangélicos

Com informações Veja, com adaptações