Eli Borges divulga carta aberta aos evangélicos de Palmas

Destaque

Redação JM Notícia

O candidato à prefeitura de Palmas pelo Solidariedade, Eli Borges, divulgou uma carta aberta destinada aos evangélicos de Palmas pedindo oração por essa nova empreitada.

Parlamentar há mais de 20 anos, Eli Borges lembra que gestores passados investiram em várias ações na cidade, mas se esqueceram do grupo religioso.

"Na história de Palmas tivemos 7 prefeitos. Tivemos prefeito que investiram pesado em temporadas de praias, carnaval e festas juninas, mas fecharam as portas da Prefeitura para os eventos evangélicos e igrejas", diz o texto.

O candidato lembra que muito dinheiro foi investido em atrações musicais de cantores seculares de relevância nacional, enquanto que os cantores locais evangélicos foram esquecidos na programação cultural da cidade.

Ele também lembrou das igrejas que foram fechadas e da desapropriação de um terreno nobre onde estava legalmente estabelecida a sede de uma grande igreja.

“Agora é pra valer”, diz Eli Borges ao confirmar candidatura a prefeito de Palmas

Eli Borges entende que sua candidatura é uma oportunidade para representar um grupo que foi perseguido nesses 31 anos de Palmas, capital mais nova do país. Mas para isso, ele precisa do apoio dos próprios evangélicos.

"Temos uma candidatura que representa o amor a
Deus, a paz entre os homens e o respeito aos cidadãos e ao erário público. Um candidato que em 28 anos de vida pública não tem nada que possa macular o seu nome", diz a carta.

"Como servo de Deus, militante na carreira política e como candidato a prefeito de Palmas, preciso muito das suas orações", continua o texto.

Leia na íntegra: