Tocantins

Em Palmas, concurso "Declamadores de Poesia" chega a sua XIX edição em formato inédito

Concurso de Declamadores da ETI Daniel Batista foi transmitido nesta sexta-feira, 18, pelo Youtube do Palmas Home School e pelo canal 5.2

Na última sexta-feira, 18, aconteceu a XIX edição do concurso ‘Declamadores de Poesia’, da Escola de Tempo Integral Daniel Batista. Por conta da pandemia, a edição desse ano teve que ser reinventada em um formato inédito, sendo transmitida pelo canal 5.2 e pelo YouTube do Palmas Home School.

 

O projeto, que nasceu há 19 anos, foi idealizado pela bibliotecária da unidade, Mariluce Abreu, e hoje já cresceu tanto que começou a ser realizado fora da escola, levando até um prêmio internacional no ano de 2017.

 

O diretor da ETI, Luciano Coelho explica que encontraram dificuldades para realizar o projeto nesse ano, devido à pandemia. “O projeto foi ameaçado não realizar, mas lancei o desafio para equipe e todos toparam, encararam as dificuldades em fazer ele acontecer de modo virtual ou melhor numa roupagem de um programa de TV”.

 

Ele conta que foi um desafio para todos os alunos, que abraçaram o desafio com o apoio das famílias e da equipe da unidade. “Foram três meses em que os alunos estudaram sobre poesia e o poeta homenageado, o Zeca Tocantins. Fizemos as gravações individuais com cada aluno, respeitando todas as normas sanitárias. Eu mesmo editei os vídeos, e o apoio da Semed para que fosse transmitido no canal 5.2 foi fundamental. Muitas famílias de alunos pararam para assistir ontem, foi uma experiência fantástica.”

 

Além do poeta homenageado Zeca Tocantins, o evento teve a participação especial do cantor Dorivã e do ator Marciel Asevedo. Em cada edição do evento, a escola presta uma homenagem a um escritor tocantinense e outro a nível nacional. Os escritores costumam participar de uma roda de conversa com os alunos, mas esse ano não foi possível ter esse momento. (