Destaque

Em pregação no The Send, Malafaia pede uma geração de Daniel: "Não se contamine"

Redação JM Notícia

O pastor Silas Malafaia foi um dos pastores que ministraram no The Send Brasil que aconteceu neste sábado (8) em três estádios brasileiros.

Na pregação do estádio do Morumbi, o pastor presidente da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo fez um alerta importante aos jovens, clamando para que se seja levantada uma geração que, como Daniel, não se contamine com o mundo.

Com base em Romanos 12:2, ele iniciou sua pregação dizendo que para "transformação o mundo é preciso ser transformado pelo poder do Evangelho" e ensinou que é necessário ser transformado na nossa mentalidade.

"Se você não mudar sua mentalidade, você não muda suas crenças e valores", disse ele.

Malafaia também fez questionamentos importantes sobre a postura dos jovens evangélicos, comparando-os com os jovens muçulmanos.

"Jovens muçulmanos, na Europa, vão para faculdade e voltam muçulmanos, evangélicos em três meses ouvindo professor humanista, ateísta e esquerdopatas voltam contaminados, duvidando de crenças, de valores, de Deus, e chamando pastores de facistas e homofóbicos", declarou.

"Vocês não são a igreja de amanhã, vocês são a igreja de agora. E eu pergunto como um jovem evangélico vai para a universidade e três meses depois estão negando a eficácia do Evangelho?", questionou.

Enquanto os muçulmanos vão do radical para o mais radical, como explicou Malafaia, os evangélicos estão indo do "da verdade do Evangelho para o leviano, que é o Evangelho adaptado para este mundo", criticou.

O pastor pediu aos jovens para repetirem uma oração e terminou sua participação dizendo que cada jovem é um agente de transformação e que não se deve abrir mão da Palavra de Deus.

Assista: