Luana Piovani ataca Damares: "Como é que essa mulher não está presa?"

Da redação JM

A atriz Luana Piovani usou seu Instagram para criticar a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos do governo Jair Bolsonaro, Damares Alves, porque ela insinuou que o personagem de desenho animado Bob Esponja é gay. Luana foi irônica e recomendou que se coloque "mais tabaco naquilo que Damares está fumando", numa insinuação de que a ministra teria usado drogas ao falar sobre o assunto.

Em vídeo publicado nas redes sociais na semana passada, a ministra falou em uma palestra que deu como pastora que os personagens Bob Esponja e Patrick Estrela, do desenho animado Bob Esponja Calça Quadrada (Nickelodeon), são gays. "Todo mundo pensa que é um desenho infantil, mas olha as imagens do Bob Esponja namorando o coleguinha (Patrick)", esbravejou, enquanto exibia a imagem de Bob usando um tule de balé ao lado do personagem que tem formato de estrela-do-mar.

+ “Acabou a doutrinação de crianças e adolescentes”, diz Damares Alves em posse

Luana se mudou para Portugal no ano passado, mas continua acompanhando a política brasileira. Em suas críticas, ela questiona se Damares não tem mais o que fazer de importante para o país e sugere sua prisão. "Preconceito não é crime inafiançável no Brasil? Como é que essa mulher não está presa?", finalizou, indignada.

(Com Notícias da TV)