Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Política

Políticos do TO lamentam a morte de Júnior Coimbra

Publicado

em

Da Redação JM Notícia

Políticos do TO lamentam a morte de Júnior Coimbra

Políticos do TO lamentam a morte de Júnior Coimbra

A notícia da morte do ex-deputado Júnior Coimbra gerou grande comoção entre os políticos do estado, dado à sua trajetória de serviço ao povo do Estado do Tocantins. Coimbra faleceu na noite desta quinta-feira (26) em um acidente de carro em no trevo de Dorilândia, distrito de Sandolândia enquanto seguia a caravana de candidatura de Carlos Amastha.

Entre os parlamentares que emitiram nota de pesar está o deputado Eli Borges, que afirmou que perdeu um grande amigo e ex-companheiro de parlamento:

Deputado Eli Borges (SD)

“É com muita tristeza que recebi a notícia do falecimento do ex-deputado Júnior Coimbra na noite de hoje. Perdi um grande amigo, um ex-colega de parlamento, um companheiro de partido, que juntos trabalhamos pelo Tocantins na Assembleia Legislativa. Sem dúvidas deixará uma lacuna na política tocantinense. Deixo aqui meus sentimentos à família em especial  a sua esposa Laudecy Coimbra e seus filhos.

Vereador Léo Barbosa lamentou o ocorrido

O vice-presidente da Câmara de Palmas, vereador Léo Barbosa, destacou o legado deixado por Coimbra, casado com a também vereador Laudecy Coimbra. “Durante sua carreira política, Coimbra contribuiu muito para o crescimento do nosso estado e o seu trabalho e esforço, com certeza, não serão esquecidos”,

disse Léo Barbosa.

O deputado estadual Wanderlei Barbosa também usou as redes sociais para lamentar o ocorrido. “Neste momento de dor e pesar peço a Deus que em sua infinita bondade conforte o coração de seus familiares e amigos”, disse.

Foto: Agência Senado

O senador Ataídes Oliveira também se pronunciou, lembrando que Coimbra atuou como deputado federal, estadual e vereador de Palmas. “Coimbra foi um político sério e dedicado. Como ser humano, foi solidário, amigo e possuidor de carisma natural. Manifestamos profundo sentimento de solidariedade ao seus familiares e amigos, rogando a Deus que na sua infinita bondade e misericórdia conforte a todos neste momento de profunda dor”.

O deputado César Harum declarou condolências à Laudecy e seus filhos, e relembrou o tempo que atuou com o ex-deputado na Assembleia Legislativa e na Câmara Federal. “Ele que foi meu companheiro na Assembléia do Tocantins e também na Câmara dos Deputados, cumpriu com maestria a missão de representar o nosso Estado”.

O senador Vicentinho Alves também emitiu nota de pesar: “Com profundo pesar, lamentamos o falecimento do Deputado Júnior Coimbra, ocorrido em trágico acidente automobilístico nesta quinta-feira. Apresentamos à Vereadora Laudecy Coimbra, às filhas, ao filho e aos familiares do deputado, com quem mantinha cordial relação de amizade, nossas condolências, rogando a Deus que na sua infinita bondade o receba em bom lugar e o proteja”.

Mauro Carlesse, governador interino, emitiu uma nota de pesar lamentando o ocorrido. “Consternado, solidarizo-me com a esposa Laudecy Coimbra, filhos e com todos da família. Que o nosso Deus conforte seus corações e amenize tamanho sofrimento e dor”, diz a nota.

Sobre o acidente

Vereador Tiago Andrino, Adir Gentil e Coronel Ribamar estavam no carro que capotou em Sandolândia

Júnior Coimbra estava em uma Pajero acompanhando a caravana do candidato Carlos Amastha ao governo do Estado na eleição suplementar. A caravana saia de Sandolândia com destino à Formoso do Araguaia. No carro estavam o ex-deputado, o vereador Tiago Andrino, o ex-secretário da prefeitura de Palmas Adir Gentil e o Coronel Ribamar que conduzia o veículo.

Igor Moura, filho do candidato a vice-governador do PT, Célio Moura, o carro onde os parlamentares estavam capotou no trevo de Dorilândia, distrito de Sandolândia, uma pista complicada por estar próxima a uma curva e com um matagal que cobre a vista do motorista.

Igor, que estava há 20 metros do carro, presenciou o acidente e viu Coimbra ser arremessado para fora do carro. Júnior Coimbra morreu no local. Andrino e Gentil passam bem e o coronel segue internado em Formoso.

PUBLICIDADE