Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Tocantins

Prefeitura de Gurupi inaugura o Serviço de Mamografia na clínica da Mulher

A senadora Kátia Abreu, que destinou recursos para a compra do mamógrafo, participou da solenidade

Publicado

em

Com mais de 200 exames de mamografia realizados neste primeiro mês de funcionamento do mamógrafo digital em Gurupi, foi inaugurado oficialmente neste sábado, 23, o Serviço Municipal de Mamografia na clínica da Mulher.

Durante a solenidade, o secretário municipal de Saúde de Gurupi, Vânio Rodrigues, destacou que com o funcionamento do aparelho até 700 exames poderão ser realizados mensalmente. Explicou que para o serviço começar a funcionar foi necessário a contratação de profissionais como um mastologista e técnicas para operar o aparelho. Também está sendo feito uma parceria com o Hospital do Amor para laudar os exames e está em fase de diálogo a contratação de profissionais radiologistas para maior celeridade nos laudos.

“O Serviço inaugurado terá capacidade para atender os municípios da Região Ilha do Bananal, e trará esperança às mulheresmulheres da região Sul”, destacou o secretário explicando que essa é a proposta de oferecer os serviços aos demais municípios via parcerias.

A Prefeita Josi Nunes, não pôde participar da solenidade em razão de uma viagem à Palmas, representando-a, o secretário municipal de Planejamento e Finanças, Lucas Lemes, disse que o trabalho da prefeita Josi é feito em parcerias, porque ninguém faz nada sozinho, que parceria e compromisso são as palavras que norteiam a gestão. “Precisamos da parceria dos senadores, deputados federais, estaduais e do governador.  E tudo o que for colocado para Gurupi será honrado. Palavra dada é palavra cumprida”, afirmou.

A senadora Kátia Abreu, que destinou recursos para a compra do mamógrafo, participou da solenidade. Ela comentou que os números são alarmantes há muitos anos e que as estatísticas mostram que 40% dos cânceres de mama são diagnosticados tarde e quando diagnosticado ainda leva 60 dias para o início do tratamento.

Comentou que as mulheres estão conscientes, informadas e querem muito fazer o exame, mas encontram dificuldades de acesso à prevenção e tratamento. “As prefeituras precisam fazer uma interlocução entre si para o uso do mamógrafo, porque não são todas as cidades que têm o aparelho, os prefeitos precisam fazer o programa funcionar e trazer as mulheres para fazerem os exames.  Não basta ter o equipamento é preciso fazer o programa funcionar”, destacou a senadora.

Recursos

Durante a solenidade a senadora Kátia Abreu se comprometeu a destinar a Gurupi R$ 1,5 milhão para o custeio da saúde, R$ 850 mil para o programa Catarata Zero e mais R$ 1,5 milhão para serem investidos na recuperação da malha asfáltica de Gurupi.

PUBLICIDADE