Conecte-se conosco

Mundo Cristão

Violência contra mulheres e crianças cristãs aumenta em Moçambique

Com os ataques de grupos extremistas, as mulheres e crianças de Moçambique passaram a enfrentar maior pressão

Publicado

em

Na próxima sexta, 25 de junho, Moçambique celebra 46 anos de independência. Com a onda anticolonial se espalhando por toda a África, diversos movimentos políticos clandestinos foram criados em favor da independência de Moçambique, o que ocorreu em 25 de junho de 1975. Movimento foi visto pelos moçambicanos como o triunfo da liberdade sobre a opressão colonial portuguesa.

O país ocupa o 45º lugar na Lista Mundial da Perseguição 2021, e é a segunda vez que compõe o Top 50, desde que esteve presente na primeira edição, em 1993. Muitos africanos, na maioria mulheres e crianças, enfrentam más condições de vida, exploração e falta de emprego e oportunidades de aprendizagem em países estrangeiros onde a chance de sobrevivência ainda é melhor do que em casa. O conflito armado tem sido um dos principais impulsionadores da crise dos refugiados na África Subsaariana, e desde 2019 e, apesar de Covid19, o conflito nos países africanos só aumentou. Principalmente em Moçambique.

Aumento na violência contra mulheres e crianças

A Agência das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) diz que continua preocupada com a segurança no norte de Moçambique, à medida que o conflito armado e a insegurança na cidade costeira de Palma continuam após muitos ataques. Testemunhas disseram aos funcionários da ONU mais de dois meses desde o ataque em massa, a insegurança continua lá, fazendo com que as pessoas continuem fugindo diariamente em uma busca desesperada por segurança. Cerca de 70.000 pessoas fugiram de Palma desde 24 de março, diz a ONU.

Um relatório apontou que mulheres e crianças foram mais severamente afetadas. “Com meninas e famílias desocupados enfrentando dificuldades financeiras, o risco de casamento precoce e gravidez na adolescência está se tornando uma preocupação crescente”, disse Andrea M. Wojnar, chefe do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) em Moçambique.

Aqueles que não podiam escapar, no entanto, sofreram consequências ainda mais dramáticas. Centenas de meninos e meninas foram sequestrados por grupos jihadistas, segundo Kwiriwi Fonseca, porta-voz da Diocese de Pemba. Os meninos são recrutados à força para os grupos jiadistas, enquanto as meninas são “casadas” com os lutadores ou servem como escravas.

O que a Portas Abertas faz para ajudar os cristãos em Moçambique?

Por meio de parceiros locais, em 2020 a Portas Abertas retomou o trabalho de fortalecimento dos cristãos em Moçambique. Por meio de parcerias estratégicas com a igreja local, a Portas Abertas planeja apoiar a Igreja Perseguida com treinamento. Devido ao aumento da violência contra os cristãos na província de Cabo Delgado, a Portas Abertas forneceu ajuda humanitária em agosto de 2020.

Para saber mais como ajudar aos cristãos moçambicanos e em outros países da Lista Mundial da Perseguição 2021, acesse o link.

Pedidos de oração

  • Ore por Moçambique neste Dia Internacional da Independência, para que Cristo cuide da população, em meio a um cenário de violência.
  • Clame para que Deus traga esperança de dias melhores aos cristãos do país, para que possam compartilhar o Evangelho sem medo de ataques.
  • Interceda pelas autoridades do país, para que tenham sabedoria para lidar com os conflitos e governem pelo bem de toda a população.

PUBLICIDADE

Últimas notícias

Brasil/Mundo11 horas atrás

ADENOM se prepara para realizar a 13ª Conferência de Avivamento e Missões em Novo México – Vila Velha

A Igreja fica na rua Rosa de Ouro, número 470- em frente a praça do bairro.

Brasil/Mundo15 horas atrás

Sisu 2021.2: inscrições começam nessa terça (03)

Programa disponibiliza vagas de graduação em universidades públicas

Brasil/Mundo20 horas atrás

Manifestação pelo voto impresso lota Avenida Paulista

O deputado federal Eduardo Bolsonaro esteve no evento e falou ssobre a perseguição política contra conservadores; Assista

Brasil/Mundo4 dias atrás

ANAJURE defende liberdade do colégio batista notificado por vídeo contra a ideologia de gênero

"O vídeo em questão, ainda que expresse discordância quanto às teorias de gênero, não estimula qualquer conduta discriminatória", diz a...

Brasil/Mundo4 dias atrás

Livro infantil enfrenta a ideologia de gênero: “Elefantes não são pássaros”

"O livro é uma repreensão absoluta à aceitação da transexualidade e ao número crescente de jovens que se identificam como...

Brasil/Mundo4 dias atrás

Cursos profissionalizantes são aliados na busca pelo emprego

Evento on-line e gratuito vai debater a educação profissionalizante

Brasil/Mundo5 dias atrás

Pandemia afetou o comportamento de responsáveis por crianças de até três anos em famílias de classe D

Isolamento e crise financeira trouxeram efeitos perversos da desigualdade nas classes mais baixas

Brasil/Mundo5 dias atrás

Bolsa Família pode ter reajuste de 50% ou mais, diz ministro

Valores passarão a ser pagos a partir de novembro

Brasil/Mundo5 dias atrás

“O povo vai reagir em 2022 se não tivermos uma eleição democrática”, diz Bolsonaro

O presidente tem defendido a aprovação do projeto de lei pelo voto impresso auditável

Brasil/Mundo6 dias atrás

Lei do Superendividamento favorece negociação e cobrança humanizada

Início das multas no contexto da Lei Geral de Proteção de Dados também deve frear a oferta de crédito a...